Segurança

Terror em Criciúma: tiros, bombas, reféns e muito dinheiro espalhado pelas ruas

Um grupo criminoso sitiou o Centro da cidade para assaltar pelo menos dois bancos

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais
Terror em Criciúma: tiros, bombas, reféns e muito dinheiro espalhado pelas ruas
(FOTO: REPRODUÇÃO/ REDES SOCIAIS)

1 de dezembro de 2020 - 08:29 - Atualizado em 1 de dezembro de 2020 - 13:21

A cidade de Criciúma viveu uma madrugada de terror nesta terça-feira (1º) após um grupo com aproximadamente 30 criminosos fazer reféns, bloquear entradas da cidade e assaltar dois bancos no Centro. A ação teve início próximo da meia-noite e durou cerca de duas horas. Os vídeos registrados por moradores mostram o pânico na cidade (assista abaixo).

De acordo com informações da polícia, o grupo criminoso utilizou funcionários da prefeitura, que realizavam serviço de manutenção e pintura de faixas de trânsito, para formar um cordão de reféns. Além disso, o túnel que liga a cidade de Criciúma e Tubarão foi incendiado, bloqueando que agentes do município vizinho pudessem ajudar.

Ao todo 10 carros usados na ação foram apreendidos, duas pessoas ficaram feridas, sendo um policial militar e um vigilante, mais de 30 quilos de explosivos foram encontrados nas ruas da cidade e quatro moradores foram detidos com R$ 810 mil que foram abandonados pelos criminosos.

Terror em Criciúma

A cidade de Criciúma, em Santa Catarina, viveu uma noite de pânico. Um grupo criminoso planejou um assalto contra pelo menos dois bancos no Centro do município. Para a ação, a quadrilha utilizou um armamento pesado e aterrorizou moradores que estavam nas ruas.

Nas imagens gravadas por populares é possível ver os criminosos com armas pesadas. Para assustar ainda mais os moradores, muitos tiros foram disparados. Além de estarem nas ruas, registros mostraram integrantes da quadrilha em cima de prédios vigiando a entrada da cidade.

panico em criciuma
(FOTO: REPRODUÇÃO/ REDES SOCIAIS)

Para bloquear o acesso dos policiais, os criminosos fizeram cordões humanos com reféns e incendiaram ruas que dão acesso a cidade. Ainda não se sabe o total de dinheiro que o grupo conseguiu saquear dos bancos, porém, quatro moradores foram presos com um total de R$ 810 mil, que juntaram nas ruas da cidade.

Não há informações de membros da quadrilha presos. Dois malotes foram abandonados pelos criminosos durante a fuga. Os carros foram encontrados na cidade de Nova Veneza e a suspeita é que o grupo fugiu para a região sul do estado.

Veja imagens da madrugada de terror em Criciúma:

Prefeito de Criciúma fala da madrugada de pânico

Ainda nesta madrugada, o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro, fez um pronunciamento sobre a madrugada violenta na cidade, assista:

Prefeito de Criciúma fala da madrugada de pânico

Ainda nesta madrugada, o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro, fez um pronunciamento sobre a madrugada violenta na cidade, assista:

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.