Segurança

Suspeito de estuprar jovem em loja é conhecido na internet por ensinar terapias alternativas

Guilherme Penkal já tinha passagens na delegacia pelo crime e também por gesto obsceno, diz a polícia

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais com informações da repórter Adriana Lopes, da RIC Record TV Curitiba
Suspeito de estuprar jovem em loja é conhecido na internet por ensinar terapias alternativas

15 de julho de 2021 - 15:22 - Atualizado em 15 de julho de 2021 - 15:22

A Polícia Civil do Paraná está à procura de Guilherme Penkal, acusado de estuprar a funcionária de uma loja localizada na rua Prudente de Moraes, no Centro de Curitiba. As imagens do suspeito foram divulgadas na manhã desta quinta-feira (15). De acordo com a delegada Vanessa Alice, Penkal é terapeuta quântico e já tem passagens pela delegacia por estupro, em 2011, e por ato obsceno, em 2013. A reportagem da RIC Record TV Curitiba descobriu que o suspeito ensina terapias alternativas na internet. 

Em seu canal online, Guilherme se apresenta como profundo conhecedor da lei de atração. 

O crime

O crime aconteceu na última sexta-feira (9). O suspeito deu voz de assalto contra a funcionária de uma loja, localizada na rua Prudente de Moraes, no Centro da capital, e na sequência praticou um estupro, nos fundos do estabelecimento.

Durante o crime, o homem chegou a atender uma cliente na loja e informou que a funcionária só voltaria uma hora depois. Antes de ir embora, o suspeito trancou a vítima nos fundos do estabelecimento e fugiu levando as chaves do local, o celular da jovem e R$ 50 que tinha no caixa.

Qualquer informação que possa ajudar na localização do suspeito pode ser repassada, de forma anônima, à Delegacia da Mulher pelo telefone 41.3219-8600 ou ao Disque Denúncia da Polícia Civil pelo 181.

Veja imagens do procurado:

(Foto: Divulgação | PCPR)

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.