Segurança

Suspeito de espancar jovem em saída de casa noturna se apresenta na delegacia

O jovem foi socorrido e internado no hospital, mas acabou falecendo em decorrência dos ferimentos no dia 30 de maio

Daniela
Daniela Borsuk com informações de Tiago Silva, da RIC Record TV Curitiba
Suspeito de espancar jovem em saída de casa noturna se apresenta na delegacia
(Foto: Reprodução/ RIC Record TV)

8 de junho de 2021 - 13:07 - Atualizado em 8 de junho de 2021 - 14:38

Se apresentou nesta manhã (8), na delegacia de Polícia Civil de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, o suspeito de espancar Lorenzzo Lima de Carvalho, de 29 anos, na saída de uma casa noturna no dia 9 de maio. O jovem foi socorrido e internado no hospital, mas acabou falecendo em decorrência dos ferimentos no dia 30 de maio.

O suspeito, identificado como Henrique, é lutador de Muay thai, e, neste momento, está prestando depoimento. A mãe de Lorenzzo foi até a delegacia quando soube que o suspeito estava no local e afirmou que já esperava que Henrique se apresentasse em algum momento, devido ao peso na consciência. “Eu sabia que isso ia acontecer, […] o melhor conselheiro é o travesseiro. Eu tenho certeza que ele não dorme, que nem eu, ele não come, igual eu“, afirmou.

Ainda, a mãe da vítima relatou que não sente ódio de Henrique, mas espera por Justiça.

“Eu não tenho ódio de você, eu tenho pena. Tenho pena da sua mãe, essa hora saber que o seu filho está sendo preso por uma agressão. O meu filho já morreu, o meu filho não está mais aqui. Mas a dor, a dor para uma mãe de ter o filho preso ou morto é a mesma. Porque eu tenho certeza de que não foi isso que a sua mãe te educou, sabe. Você é lutador, você é um menino que estava com uma carreira linda, o meu filho também, um tatuador”.

Disse a mãe de Lorenzzo, emocionada.

Na época, Lorenzzo teria se desentendido com o suspeito na saída de uma casa noturna. Na ocasião, a vítima levou um soco e acabou caindo no chão. O jovem foi diagnosticado com 16 coágulos na região da cabeça. Apesar do tratamento, a vítima não resistiu.

Veja o vídeo que mostra o momento da agressão:

Atualização

Em cumprimento a um mandado de prisão preventiva, o suspeito de agredir Lorenzzo deve continuar preso na delegacia de São José dos Pinhais.

De acordo com o delegado Fábio Machado, que ouviu o suspeito nesta terça-feira (8), a declaração do suspeito confirma todos os elementos dos autos.

“Quem é lutador de Muai thay, agride uma pessoa no queixo, em uma ladeira, uma descida, uma rampa, sabe que se ela cair no chão pode bater a cabeça e vir a óbito. E foi o que aconteceu. Era previsível o resultado, ele agiu querendo agredir a vítima, não foi uma coincidência, as câmeras mostram que ele persegue a vítima depois que sai do Jack Bar, agrediu a vítima que infelizmente veio a óbito.”

Descreveu Fábio Machado.

O delegado ainda explicou que somente Henrique foi indiciado no crime, devido às imagens de câmeras de segurança mostrarem que ele agrediu a vítima sozinho.

Fábio Machado esclareceu que, conforme o relato do suspeito, ele e Lorenzzo teriam se desentendido na fila do caixa, ainda no interior do estabelecimento, e que ele teria ido atrás da vítima para tirar satisfações.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.