Segurança

Suspeita de vazamento de material radioativo é registrada na Prefeitura de Foz do Iguaçu (PR)

Após análise, constatou-se que o produto tratava-se de óleo mineral para lubrificação de um equipamento radiológico

Julia
Julia Cappeletto / Estagiária com supervisão de Giselle Ulbrich
Suspeita de vazamento de material radioativo é registrada na Prefeitura de Foz do Iguaçu (PR)
(Foto: Corpo de Bombeiros)

3 de agosto de 2021 - 17:53 - Atualizado em 3 de agosto de 2021 - 17:53

Uma ocorrência de suspeita de vazamento de material radiativo foi registrada na manhã desta terça-feira (03), na Prefeitura de Foz do Iguaçu, no Oeste do Paraná. Conforme a assessoria, o escape surgiu de uma peça, parte de um Raio-X odontológico.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, os servidores constataram o vazamento e, por desconfiarem que o líquido seria radioativo, acionaram as autoridades. Já no local, foi solicitada a evacuação e isolamento do local, assim como também dos servidores que tiveram contato com o suposto material.

O bombeiro tenente Jessé Marcelo Winck, que atendeu a ocorrência, afirmou que se tratava de um equipamento antigo.

“Durante a evacuação, algumas pessoas conseguiram tirar algumas fotografias. E aí, nós entramos em contato com o fabricante desse equipamento e também para a empresa responsável pela gestão, em casos de acidentes, e através das fotos, em primeira análise, os técnicos disseram que não haveria risco”.

Tenente Jessé Marcelo Winck – Corpo de Bombeiros

Segundo a prefeitura de Foz do Iguaçu, o técnico que avaliou o material constatou que se tratava de óleo mineral para lubrificação do equipamento.

Após a confirmação do produto não ser radioativo, o local foi liberado pelo Corpo de Bombeiros, e o equipamento foi encaminhado para a fábrica.