Segurança

Prefeitura decreta luto pelo acidente entre ônibus e caminhão que matou 41 pessoas

O Instituto Médico Legal montou uma força-tarefa para identificar e liberar os corpos das vítimas do acidente; 37 pessoas morreram na hora

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais com informações da Agência Brasil
Prefeitura decreta luto pelo acidente entre ônibus e caminhão que matou 41 pessoas
(Foto: Reprodução)

25 de novembro de 2020 - 17:09 - Atualizado em 25 de novembro de 2020 - 17:10

A prefeitura de Itaí, de onde saiu o ônibus que se acidentou na manhã desta quarta-feira (25), decretou luto de três dias na cidade pela morte de 41 pessoas. Outros dez feridos permanecem internados em hospitais de Taquarituba, Taguaí e Fartura. O ônibus levava trabalhadores de uma indústria têxtil de Taguaí quando se envolveu em acidente com caminhão na Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho (SP 249).

Pelo menos 37 ocupantes morreram na hora. Entre os mortos está o motorista do caminhão, que foi socorrido, mas não resistiu. Ele era do Paraná.

O Instituto Médico Legal montou uma força-tarefa para identificar e liberar os corpos das vítimas do acidente. Os Institutos Médicos Legais (IMLs) das cidades de Avaré, Botucatu e Itapetininga, foram acionados para atender mais rapidamente às famílias dos acidentados.

O Coordenador da Defesa Civil do Estado, Coronel Walter Nyakas Júnior, e os secretários de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, e de Saúde, Jean Gorinchteyn, foram até o local para coordenar os resgates, visitar os hospitais onde estão as vítimas e agilizar a liberação dos corpos.

Os hospitais estão pedindo doações de sangue para as vítimas que estão nos hospitais. Para doar é preciso entrar em contato com o Hemocentro de Botucatu pelos números (14) 3811-6041 (ramal 240) ou pelo WhatsApp (14) 99624-7055 e (14) 99631-5650.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.