Segurança

Por aplicativo, frigorífico clandestino distribuía carne vencida para restaurantes e clientes; veja o vídeo

Ação em conjunto com vigilância sanitária aconteceu na manhã desta quarta-feira (28), em Maringá. Carne vencida e problemas com embalagens foram encontrados

Wilame
Wilame Prado / Repórter

28 de abril de 2021 - 10:04 - Atualizado em 28 de abril de 2021 - 12:07

Em ação conjunta com a vigilância sanitária municipal, a Polícia Civil de Maringá deflagrou uma operação para investigar um frigorífico que estava atuando de maneira irregular em Maringá. A ação aconteceu na manhã desta quarta-feira (28), na PR-317, no Parque Industrial. De acordo com a polícia, os responsáveis reembalavam carnes vencidas, alteravam a embalagem e distribuíam, via aplicativo, para consumidores e também para restaurantes e hoteis da cidade.

(Foto: Divulgação/Polícia Civil)

No local foram encontrados produtos vencidos e outros sendo embalados de forma irregular, sem as devidas condições de higiene. De acordo com informações do delegado Luiz Alves, pelo menos dois mil quilos de carnes serão incinerados por uma empresa especializada no descarte.

“O local não tem alvará de funcionamento e agia de maneira irregular, fracionando carnes, reembalando e distribuindo para consumidores e restaurantes da cidade. Muita carne vencida foi encontrada, e o local não tem qualquer condição de higiene para o manuseio de alimentos. Trata-se de um crime grave contra o consumidor”, explica o delegado.

Por nota, a Prefeitura de Maringá informa que a Secretaria de Saúde também fez parte da operação. Uma pessoa foi encaminhada à 9ª SDP (Subdivisão Policial) de Maringá para prestar esclarecimentos.

Veja o vídeo:

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.