Segurança

Polícia prende homem que criava cobras exóticas

Os animais, da espécie corn snake, conhecida como cobra do milho, estavam em um aquário de 1,5 metro

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais com informações da Agência Brasil
Polícia prende homem que criava cobras exóticas
Policiais da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) prenderam um homem que criava três cobras exóticas proibidas de importação.

13 de outubro de 2020 - 19:33 - Atualizado em 13 de outubro de 2020 - 19:33

Policiais da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) prenderam no Rio de Janeiro, nesta terça-feira (13), um homem que criava três cobras exóticas proibidas de importação.

Os animais, da espécie corn snake, conhecida como cobra do milho, estavam em um aquário de 1,5 metro em uma residência no bairro do Anil, em Jacarepaguá, zona oeste da capital. A espécie é de origem norte-americana e não pode ser criada e nem vendida no Brasil.

De acordo com o delegado titular da especializada, Mario Jorge Andrade, a importação desse animal é proibida para fins comerciais, manutenção em cativeiro como animal de estimação ou ornamentação, bem como para exibição em espectáculos. O homem foi autuado em flagrante por receptação.