Segurança

Polícia de Paranavaí prende dupla suspeita de latrocínio contra PM aposentado no MS

O PM reformado Jonas Rufino da Silva, de 54 anos, foi encontrado morto com um tiro na cabeça na noite do último sábado (24)

Renan
Renan Vallim / Repórter com informações do repórter Ricardo Freitas / RIC TV
Polícia de Paranavaí prende dupla suspeita de latrocínio contra PM aposentado no MS
Polícia Civil de Mato Grosso do Sul recebeu auxílio de policiais paranaenses (Foto: Polícia Civil - MS)

27 de julho de 2021 - 10:44 - Atualizado em 27 de julho de 2021 - 10:44

Dois homens suspeitos de latrocínio contra um policial militar aposentado no Mato Grosso do Sul foram presos em Paranavaí. A prisão só foi possível com apoio da Polícia Civil paranaense, que identificou a caminhonete roubada no crime.

O PM reformado Jonas Rufino da Silva, de 54 anos, foi encontrado morto com um tiro na cabeça na noite do último sábado (24) em um sítio em Bataguassu, município da região leste de Mato Grosso do Sul. A caminhonete dele, uma Chevrolet S-10, havia sumido.

As investigações da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul identificou que dois homens, um de 19 e outro de 23 anos, teriam sido os responsáveis pelo crime. A polícia sul-mato-grossense então emitiu um alerta a todas as forças policiais na tentativa de identificar o veículo.

Duas armas foram encontradas com os suspeitos; uma delas teria sido usada para matar o policial reformado (Foto: Polícia Civil – MS)

A Polícia Civil de Paranavaí encontrou a caminhonete e abordou os suspeitos. De acordo com os policiais, a dupla teria confessado o crime. Eles teriam dito também que conheciam a vítima e que moravam nas proximidades do sítio. A intenção, segundo a dupla, era vender a caminhonete roubada.

Duas armas foram encontradas com os suspeitos. A polícia afirma que uma delas foi utilizada para matar o policial reformado. Eles devem se transferidos para o Mato Grosso do Sul.