Segurança

PM de Londrina que teria se envolvido em acidente com motoboy se recusou a fazer bafômetro

No total, foram quatro tentativas de teste. Em apenas uma delas o policial assoprou, porém de forma parcial. O aparelho acusou embriaguez também parcial

Bruna
Bruna Melo / Repórter com informações de Rafael Machado, da RIC Record TV Londrina
PM de Londrina que teria se envolvido em acidente com motoboy se recusou a fazer bafômetro
Foto: Divulgação/Polícia Civil

28 de junho de 2021 - 11:11 - Atualizado em 28 de junho de 2021 - 11:13

Um policial militar de Londrina se envolveu em um acidente na Av. Arthur Thomas, neste sábado (26). A caminhonete que ele dirigia bateu contra um motoboy, que ficou ferido. A Guarda Municipal atendeu a ocorrência depois que um popular informou o local da colisão.

De acordo com o boletim registrado na Polícia Civil, os guardas municipais ofereceram o teste do bafômetro para o policial, que se recusou a assoprar. O teste foi feito no motoboy e não acusou uso de álcool.

Os dois envolvidos foram levados à delegacia onde, novamente, foi ofertado o etilômetro ao PM. O boletim acusa que ele não assoprou de forma correta e o aparelho verificou embriaguez parcial. Foram feitas outras duas tentativas que não foram concluídas.

No domingo (27), foi dada liberdade provisória ao policial sob fiança de R$10 mil. No documento consta que o envolvido não “prejudicará a coleta das provas ou empreenderá fuga, de modo a comprometer a pertinente aplicação da lei penal ou a conveniência da instrução criminal”.

O caso segue sendo investigado. O motoboy teve ferimentos no cotovelo, perna e quadril. Ainda não foi apurado quem teria causado a batida.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.