Notícias

Emocionante! Pai faz apelo para que filho assaltante se entregue à polícia, em Londrina

O jovem, que tem 23 anos, tem passagens na polícia por crime de receptação

Renata
Renata Nicolli Nasrala / Editora

8 de novembro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 1 de julho de 2020 - 15:46

Um pai fez um apelo emocionante para que o filho assaltante se entregasse à polícia logo depois de cometer um assalto contra uma funcionária doméstica que chegava para trabalhar em um condomínio na zona sul de Londrina, no norte do Paraná, na manhã desta quinta-feira (7).

Pai faz apelo para que filho assaltante se entregue à polícia

A súplica emocionada do pai aconteceu após o vídeo do momento do assalto ser divulgado e chegar até seu conhecimento.

Ao se deparar com o registro, o pai logo percebeu que o condutor da moto que realizou o assalto era seu filho, o que o fez imediatamente enviar uma mensagem implorando ao filho que se entregasse à polícia.

Áudio enviado para homem assaltante é emocionante; veja!

No áudio, o pai está bastante emocionado e começa dizendo que quando o jovem era menor ele ainda podia responder por ele, mas que agora não pode mais.

Pai faz apelo para que filho assaltante se entregue à polícia

(Foto: reprodução Paraná No Ar)

“eu não vou te abandonar nunca. Mas eu preciso que você se entregue. faça a coisa certa(…) O resto é consequência dos seus atos, você vai ter que pagar. (…)você mesmo disse que se tivesse que pagar, você pagaria, não foi o que você me falou outro dia? Agora é a hora, filho. A hora de você virar homem, crescer e assumir os seus erros e tomar a consciência de que esse tipo de vida não vai resolver. A vida da gente se ganha com trabalho E honestidade. É assim que se ganha a vida, como eu sempre ganhei e criei vocês. Filho, por favor, toma juízo. Pega como exemplo e não volta a fazer. Por favor meu filho, eu já não tenho a tua mãe, você sabe o amor que eu tenho por você, Não faça isso comigo, por favor!”, disse o pai em meio a lágrimas.

Jovem relata que cometeu assalto para ajudar amigo

O jovem, que tem 23 anos, tem passagens na polícia por crime de receptação, e logo depois do pedido do pai resolveu se entregar à polícia.

De acordo com o assaltante, ele participou do crime para ajudar um amigo que estava devendo um traficante.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.