Segurança

Mulher culpa marido por morte de jovem na Zona Sul de Londrina

O jovem de 19 anos foi morto a facadas e teve o corpo atropelado em seguida

Bruna
Bruna Melo / Repórter com informações do repórter Vitor Struck, da RIC Record Tv de Londrina
Mulher culpa marido por morte de jovem na Zona Sul de Londrina
(FOTO: Altair Júnior)

3 de maio de 2021 - 09:17 - Atualizado em 3 de maio de 2021 - 09:17

Na noite de sábado (1º), um rapaz de 19 anos foi esfaqueado e morto no conjunto União da Vitória, zona sul de Londrina. A polícia localizou os suspeitos e uma mulher confessou o envolvimento do marido no crime. 

As primeiras informações deram conta de que o jovem Wellington Araújo foi morto após ser atingido por vários golpes de faca. Enquanto estava caído no chão, foi atropelado. A Polícia Militar localizou o veículo utilizado e foi até o endereço registrado. O carro já havia sido vendido, mas foi possível encontrar o novo dono.

Quando chegaram no local, os policiais notaram nervosismo na mulher que os recebeu. No telhado, foi encontrada uma faca, além de manchas de sangue na calçada e carro. Ela e três homens foram encaminhados à delegacia.

A polícia localizou o carro usado no crime e uma faca em cima do telhado da casa. (FOTO: 5º Batalhão da Polícia Militar de Londrina)

Em depoimento, a mulher contou que o autor das facadas teria sido o marido. De acordo com ela, dois homens estavam brigando e a vítima tentou separar a discussão. O marido dela, que também ficou ferido, fugiu alguns minutos antes dos policiais chegarem à residência. Ele continua foragido. 

O Tenente Bernardi informou que os três homens encontrados na casa com o carro usado no crime disseram não ter envolvimento. Eles estariam ajudando o casal a guardar o carro.

Wellington não tinha passagens pela polícia. Familiares contaram à reportagem do Balanço Geral de Londrina que ele era usuário drogas.