Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

4 de novembro de 2019 - 00:00

Atualizado em 4 de novembro de 2019 - 00:00

0 Comentários
Balanço Geral Londrina

Jovem morre após beber energético com bebida alcoólica em bar de Londrina

Isabella possuía um histórico de problemas cardíacos desde os 15 anos; ela passou mal após ingerir caipirinha com energético

Uma jovem, de apenas 19 anos, morreu após beber energético misturado com bebida alcoólica em um bar de Londrina, no norte do Paraná. Isabella Eduarda Gabriel Guedes Bueno chegou a ser socorrida e levada para um hospital, mas não resistiu e morreu na manhã do último sábado (2). (Veja vídeo abaixo)

Testemunhas confirmam que Isabella desmaiou pouco tempo depois de ingerir uma caipirinha com energético, no início da madrugada de sábado.  

Jovem que morreu após beber energético tinha problemas cardíacos 

A técnica em enfermagem Dalvina Gabriel, avó da vítima, explicou que a neta possuía um histórico arritmia cardíaca desde os 15 anos e que ela chegou a ser chamada para socorrer Isabella. 

“Eu estava no meu plantão, saí, pra ir em auxílio dela. Ligaram avisando, me buscaram e eu fui pegá-la. Ela estava no chão, recebendo as manobras do SAMU e não respondia. Foi uma manobra de 1h30, quando uma manobra de ressuscita é de 30, 40 minutos. Melhorou um pouquinho, a gente levou pro Evangélico, mas dia seguinte, os exames dela eram todos incompatíveis a vida. Rim, ela broncoaspirou, aí, na sequência, ela fez duas, três paradas [cardíacas]”, disse a avó. 

Isabella sofreu várias paradas cardíacas no hospital. (Foto: Reprodução/Facebook/Isabella Eduarda)

“Pra mim a minha alma foi com ela. Foi um privilégio eu viver com ela. Agora, eu sei disso”, declarou a avó emocionada. 

Jovem é sepultada

O corpo de Isabella foi sepultado no Cemitério Jardim da Saudade, neste domingo (3), e familiares e amigos compareceram para dar o último adeus. No local, Gisele Gabriel, prima da jovem que morreu após tomar energético, falou sobre a falta de sensibilidade das pessoas ao comentarem o caso nas redes sociais.  

“A gente tá sofrendo ,a família toda tá sofrendo, e as pessoas não se solidarizam com isso. Ela era exemplar, não tem nem o que falar. É um pedaço da gente. Agora só Deus sabe,a  gente vai buscar força e tentar ser forte”, disse. 

Polícia investiga a morte

A Polícia Civil investiga o caso e espera pelo laudo, do Instituto Médico Legal  (IML) de Londrina, que deverá apontar se a vítima ingeriu outras substâncias além de energético com bebida alcoólica

O Hospital Evangélica, onde Isabella foi atendida, declarou que não irá se manifestar sobre a causa da morte a pedido da família.

Veja a reportagem completa:

A RIC Record TV contou todos os detalhes sobre o caso.

Newsletter

Assine nossa newsletter e fique atualizado.

Seta COMENTÁRIOS