Segurança

Mãe e filha são feitas reféns e ameaçadas com facas durante assalto violento; PM surpreendeu suspeitos

A residência estava completamente revirada. Na sala, a equipe encontrou três mochilas e uma mala com diversos objetos

Daniela
Daniela Borsuk com Polícia Militar
Mãe e filha são feitas reféns e ameaçadas com facas durante assalto violento; PM surpreendeu suspeitos
Três suspeitos foram presos na casa (Foto: Polícia Militar do Paraná)

4 de março de 2021 - 10:46 - Atualizado em 4 de março de 2021 - 10:46

Mãe e filha, de 42 e 18 anos, viveram momentos de terror ao serem feitas reféns durante um assalto violento registrado na noite de quarta-feira (3). As vítimas tiveram a casa invadida por volta das 19h10, no bairro Morada do Sol, em Cianorte. Na situação, duas mulheres e um homem foram presos suspeitos de cometerem o crime.

De acordo com a Polícia Militar, a equipe foi acionada por vizinhos das vítimas, que perceberam pessoas desconhecidas entrando na residência e, na sequência, gritos, choros e pedidos de socorro. Os agentes cercaram a casa e deram voz de abordagem, mas foram ignorados pelos suspeitos.

Pouco tempo depois, com a insistência dos policiais militares, houve uma movimentação no interior do imóvel, com pessoas aparentemente amarradas com as mãos para trás. Diante do crime evidente, a polícia entrou no quintal, novamente sinalizando para que os suspeitos saíssem.

Assim, os assaltantes abriram a porta dos fundos e usaram as vítimas, mãe e filha, para se protegerem. As duas mulheres estavam com braços e pernas amarradas e eram ameaçadas com facas em seus pescoços. Após minutos de conversa com os suspeitos, o trio acabou se rendendo.

Os suspeitos se tratavam de duas mulheres, de 31 e 25 anos, e de um homem, de 36 anos. Com a mulher mais velha, foi encontrada uma faca de cozinha, com cabo de madeira e lâmina de aproximadamente 15 cm, além da chave de uma caminhonete, modelo S10, estacionada na garagem da residência. Com o homem, foi apreendida uma faca de serra de cerca de 20 cm, que ele tinha arremessado no momento da abordagem.

Ao serem questionadas pelos militares, as vítimas informaram que ouviram um barulho no portão e, em seguida, o homem invadiu a casa pela janela da sala. As duas mulheres teriam entrado pela porta dos fundos. Mãe e filha foram mantidas em cárcere e ameaçadas de morte, sofrendo agressões psicológicas e físicas. Os suspeitos a todo momento exigiam que entregassem bens de valor, pertences e as chaves de veículos.

A residência estava completamente revirada. Na sala, a equipe encontrou três mochilas e uma mala com diversos objetos, material pronto para ser colocado na caminhonete e levado.

Os três suspeitos foram presos e encaminhados para a delegacia. A Polícia Civil investiga o caso.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.