Segurança

Jovem que causou acidente de trânsito permanece preso; namorada morreu

Susan Bonette Pires, de 23 anos, era passageira do veículo e não resistiu aos ferimentos

Caroline
Caroline Berticelli / Editora com reportagem da RIC Record TV, Curitiba
Jovem que causou acidente de trânsito permanece preso; namorada morreu
Foto: Reprodução/Plantão 190

29 de junho de 2020 - 13:48 - Atualizado em 29 de junho de 2020 - 13:52

O motorista com sinais de embriaguez, que bateu o carro nas proximidades do Trevo do Atuba, em Curitiba, no início da manhã deste domingo (28), e provocou a morte de sua namorada Susan Bonette Pires, 23 anos, permanece detido na Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran).

O condutor perdeu o controle do veículo e atingiu lateralmente uma barreira de concreto, feita para sinalizar uma obra. A passageira não resistiu aos ferimentos e morreu antes da chegada do socorro. 

De acordo com o delegado Edgar Santana, o rapaz transitava em alta velocidade e foi preso em flagrante pelos crimes de homicídio qualificado e embriaguez ao volante.

“Testemunhas presenciais nos relataram que esse indivíduo empregava velocidade excessiva quilômetros antes do acidente. Inclusive, instigando outros motoristas a praticarem o crime de racha. Ele foi preso em flagrante delito pelo crime de homicídio qualificado e pela embriaguez, cuja a pena pode chegar a 8 anos de reclusão”, explicou Santana. 

O enterro de Susan aconteceu na manhã desta segunda-feira (29), no Cemitério São Gabriel, em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba. 

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.