Segurança

Homem que se jogou de carro em movimento após ser esfaqueado acusa primo da esposa

A filha da vítima, uma menina de apenas quatro anos, foi arremessada pela janela do veículo e abandonada em via pública

Daniela
Daniela Borsuk com informações de Nader Kalil e Tiago Silva, da RIC Record TV Curitiba
Homem que se jogou de carro em movimento após ser esfaqueado acusa primo da esposa
(Foto: RIC Record TV Curitiba)

20 de setembro de 2021 - 16:09 - Atualizado em 20 de setembro de 2021 - 16:09

A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Curitiba está investigando a tentativa de homicídio de um homem que foi esfaqueado e que se jogou de um carro em movimento neste domingo (19). A filha da vítima, uma menina de apenas quatro anos, foi arremessada pela janela do veículo e abandonada em via pública, na Rua Evelázio Augusto Bley, no bairro Tatuquara, em Curitiba. Conforme o relato do homem para a polícia, um primo da esposa dele foi quem cometeu o crime.

No registro do boletim de ocorrência, a vítima, de 41 anos, contou para a polícia que estava dirigindo um carro, modelo Gol cinza, levando a filha e o primo da esposa no banco de trás, além de um conhecido do suspeito no banco da frente. Foi o primo esposa da vítima, de 21 anos, quem teria dado as facadas no motorista, que para fugir dos golpes pulou do carro em movimento pela janela e saiu correndo em direção a um matagal. Na sequência, a criança, que presenciou o pai sendo esfaqueado, foi jogada do automóvel e pediu ajuda para moradores da região.

O motorista disse para a polícia que não sabe o que pode ter motivado o crime, já que não possuía nenhuma pendência com o parente da esposa. O delegado Victor Menezes, responsável pelo caso, está conversando com familiares dos envolvidos e, para ele, por causa das regiões atingidas pelo suspeito, como o ombro e o pescoço da vítima, não há dúvidas de que o jovem queria matar o motorista.