Segurança

Homem precisa de resgate aéreo depois de queda de cinco metros no Pico Paraná

Uma fratura completa no antebraço impediu que o homem descesse a trilha de volta a pé, devido à complexidade do trajeto

Giselle
Giselle Ulbrich com informações do BPMOA
Homem precisa de resgate aéreo depois de queda de cinco metros no Pico Paraná
(Foto: Divulgação / BPMOA)

5 de setembro de 2021 - 12:18 - Atualizado em 5 de setembro de 2021 - 12:18

Um homem de 56 anos precisou de resgate aéreo, depois de cair de uma altura de cinco metros do Pico Paraná, na Serra do Mar, na manhã deste domingo (05). Ele teve uma fratura complexa, o que o impediu de descer a trilha a pé.

Conforme informações do Batalhão de Operações Aéreas da Polícia militar (BPMOA), o homem estava no acampamento 2 da montanha, quando caiu de uma pedra, de cerca de cinco metros de altura. Ele teve uma fratura completa de antebraço direito e não tinha condições de descer a trilha de volta, devido à dificuldade do trajeto.

Uma equipe do Grupamento de Operações de Socorro Tático (GOST) já tinha realizado o atendimento inicial da vítima, mas vendo que seria impossível ela continuar a pé, chamou o BPMOA. O helicóptero pousou próximo ao acampamento e vítima consegui ir andando por uma trilha mais limpa, sem muitos obstáculos, até o helicóptero. Ele foi levado ao Hospital Cajuru.