Segurança

Exames comprovam que antes de ser assassinada, Andressa foi estuprada

Crime ocorreu em fevereiro de 2020 na Vila Cajati área rural de Cascavel; júri acontece na próxima quinta-feira (17)

Aline
Aline Cristina / Repórter
Exames comprovam que antes de ser assassinada, Andressa foi estuprada
(Foto: arquivo)

15 de junho de 2021 - 10:16 - Atualizado em 15 de junho de 2021 - 10:26

O julgamento do homem acusado de matar Andressa de Brito de Souza, de 26 anos, está marcado para a próxima quinta-feira (17), em Cascavel.

A defesa incluiu um laudo pericial que comprova que Andressa teria sido estuprada pelo acusado, antes de morrer. O júri que era para ter acontecido em abril, foi prorrogado para que o exame de DNA estivesse nos autos, com o resultado a nova data foi marcada.

Além de homicídio duplamente qualificado, será incluído o crime de estupro. A defesa acredita que na quinta-feira será possível já ter o resultado do julgamento.

“ Com esse laudo pericial, a acusação entende que acredita que não há razão para discutir todas as provas em plenário. Mostraremos sim essas provas para o conselho de sentença, mas entendemos que não será necessário a sua repetição no plenário do júri.”

Ricardo augusto Bantle – advogado

Para a família que tem lidado com essa dor há mais de um ano, o julgamento será um momento de colocar uma pedra  em cima de toda essa situação. Eles esperam que justiça seja feita.

“A gente não esquece dela nem um minuto. é muito difícil.”

Janaína Brito – auxiliar de contabilidade

Sobre o crime 

Andressa foi morta a facadas em fevereiro de 2020, na Vila Cajati, área rural de  Cascavel, no Oeste do Estado. 

No dia do assassinato um bebê de 10 meses foi encontrado embaixo das cobertas e socorrido pelo corpo de bombeiros. o crime chocou a população.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.