Segurança

Homem que mantinha esposa e filhos em cárcere privado é morto pela Guarda Municipal

Os guarda foram até a residência para verificar uma denúncia e ouviram as vítimas pedindo socorro

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais com reportagem de Nader Khalil da RIC Record TV, Curitiba
Homem que mantinha esposa e filhos em cárcere privado é morto pela Guarda Municipal
Foto: Ricardo Cunha/Reprodução/RIC Record TV

22 de outubro de 2020 - 19:04 - Atualizado em 22 de outubro de 2020 - 19:12

Um homem que mantinha sua esposa e os quatro filhos em cárcere privado foi morto durante o resgate das vítimas pela Guarda Municipal de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, na tarde desta quinta-feira (22). 

De acordo com informações da RIC Record TV, os guardas foram até o local depois de uma denúncia que informou que a mãe e os filhos não eram vistos desde o dia 19 de outubro. Eles foram recebidos pelo próprio suspeito, no portão, que agiu normalmente até que os policiais ouviram gritos de socorro vindos de dentro da casa, localizada no bairro Independência. 

Diante da confirmação do crime, os guardas entraram na residência, mas o homem teria se armado com um revólver calibre 38 e uma arma caseira foi atingido por três disparos de arma de fogo e morreu no local.

Segundo a Guarda Municipal, o suspeito identificado como Wanderlei da Silva, de 40 anos, já possuía passagens pela polícia por ameaça, furto e violência doméstica.

Na sequência, a esposa e os filhos do homem com idades entre 5 e 17 anos foram resgatados.

A mulher declarou em depoimento, na Delegacia da Mulher e do Menor, que sofria abusos, violência doméstica e sexual do marido.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.