Segurança

Caso Maria Elena: MP oferece denúncia contra assassinos; Ricardo é solto pela Justiça

Ricardo responde por ocultação de cadáver. Diferente do seu irmão, que também responde pelo homicídio de Maria Elena.

Giselle
Giselle Ulbrich com informações do repórter Lúcio André / Cidade Alerta

O Ministério Público do Paraná (MPPR) ofereceu denúncia contra os irmãos Leonardo Xavier Simões, 30 anos, e Ricardo Simões de Moura, 43 anos. Eles são confessos do assassinato de Maria Elena de Jesus, 22 anos, morta no dia 12 de janeiro.

Leonardo confessou o homicídio. Matou Maria Elena asfixiada com um “mata leão“, depois que eles discutiram, porque ela deu um beijo em uma garota, durante uma festa que ocorria na casa de Leonardo. Ricardo não participou da morte, em si, nem estava na festa. Mas confessou que ajudou o irmão a levar o corpo até a Estrada da Graciosa, onde Leonardo descartou o cadáver no meio do mato. O corpo de Maria Elena só foi encontrado no dia 03 de fevereiro.

Diante disto, Leonardo está sendo denunciado por homicídio duplamente qualificado (feminicídio e motivo fútil) e ocultação de cadáver. Já Ricardo está sendo denunciado apenas por ocultação de cadáver.

Liberdade provisória

Ricardo foi solto pela Justiça na tarde desta sexta-feira (09). Ele e o irmão estavam presos desde 3 de fevereiro, dia em que confessaram o crime e levaram a polícia até o local onde desovaram o cadáver.

O irmão de Leonardo ganhou a soltura porque o crime de ocultação de cadáver prevê detenção de 1 a 3 anos, de prisão. No entanto, no Brasil, por decisão do Supremo Tribunal Federal, crimes com menos de 4 anos de detenção não levam o réu à cadeia. A Justiça determina outras formas de cumprimento da pena.

Além disto, a Justiça também analisa se o suspeito oferece algum risco de prejudicar a investigação. Como neste caso a investigação já está concluída, foi um dos fatores que se somaram à Justiça decidir pela soltura de Ricardo.

O repórter Lúcio André ouviu Ricardo na tarde desta sexta-feira, assim que ele saiu da cadeia. Assista:

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.