Segurança

Brinquedo em parque de diversões trava e deixa pessoas presas a 18 metros de altura

Incidente ocorreu devido a uma oscilação de energia

Carol
Carol Machado da equipe de estágio sob supervisão de Guilherme Becker
Brinquedo em parque de diversões trava e deixa pessoas presas a 18 metros de altura
(FOTO: REPRODUÇÃO)

27 de janeiro de 2021 - 10:10 - Atualizado em 27 de janeiro de 2021 - 10:10

A ida ao parque de diversões costuma ser repleta de momentos alegres, porém não foi o que aconteceu nesta segunda-feira (25). Um brinquedo em parque de diversões na Praia Grande, litoral de São Paulo, deixou diversas pessoas presas de cabeça para baixo por aproximadamente 10 minutos.

De acordo com o Yuple! Park, responsável pelo equipamento, o incidente ocorreu devido a uma oscilação de energia. O brinquedo é uma das maiores atrações do parque, o famoso Kamikaze, que chega a uma altura de até 18 metros.

“É característica do brinquedo parar em cima para inverter o giro e, nesse momento, houve uma oscilação de energia que fez com que o brinquedo ficasse parado por alguns segundos a mais que o habitual”. nota da empresa.

A empresa disse ainda que a equipe de manutenção realizou mediatamente o procedimento padrão previsto para essas situações e todos os visitantes do parque foram desembarcados em segurança, sem nenhuma gravidade. O Yupie! Park também afirma que o brinquedo está funcionando normalmente.

A empresa ainda disse que preza pela segurança e que conta com profissionais especializados e treinados, e que todas as atrações seguem as normas da ABNT.

O equipamento voltou a funcionar antes mesmo da chegada dos bombeiros, que quando estiveram no local auxiliaram as pessoas na saída da atração. O incidente não deixou nenhum ferido.

Em nota, a Prefeitura de Praia Grande relatou que não há registro sobre “suposta ocorrência de falha técnica” em qualquer brinquedo no parque de diversões localizado no bairro Aviação, na segunda-feira (25).

Também não há registro de qualquer atendimento à vítimas no sistema de saúde da cidade relacionadas à esta “suposta ocorrência”.

Uma equipe de fiscalização foi ao local nesta terça-feira (26) e atestou que todos os equipamentos estão funcionando, com manutenção dentro do estabelecido pela legislação e que toda documentação exigida está em dia.

Veja o vídeo:

Vídeo: reprodução

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.