Segurança

Bonitão, tatuado e golpista: galã do crime faz vítimas no Paraná

Jovem já foi preso em outros estados, mas recentemente aplicou golpes em Curitiba

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais reportagem da RIC Record TV Curitiba
Bonitão, tatuado e golpista: galã do crime faz vítimas no Paraná
(FOTO: REPRODUÇÃO/ RIC RECORD TV)

24 de dezembro de 2020 - 14:36 - Atualizado em 24 de dezembro de 2020 - 14:36

Algumas mulheres de Curitiba foram vítimas do galã do crime. O jovem, identificado como Thiago, é conhecido da polícia e já cometeu crimes em outros estados brasileiros. A tática do suspeito é sempre a mesma: seduz a vítima, ganha confiança e comete o golpe. Nos últimos dias, duas curitibanas perderam carros para o bonitão.

De acordo com uma das mulheres que acabou perdendo um automóvel, que não será identificada, Thiago se apresentou com um nome falso e os dois logo iniciaram um romance. Depois de fazer um churrasco na casa da vítima, o casal combinou de sair outro dia, porém, o suspeito já estava com o crime planejado.

Ao chegar na residência, Thiago percebeu que a mulher estava no banho. Ele então pulou o muro e furtou o veículo. Duas horas antes do crime o casal trocou mensagens, porém, depois do incidente ele não respondeu mais a vítima. Em algumas redes sociais, sem medo da Justiça, o suspeito publicou fotos em Balneário Camboriú, litoral catarinense. 

Outra vítima é abandonada no hotel

Mas essa não foi a única vítima da passagem de Thiago por Curitiba. Uma outra jovem teve um carro importado roubado logo após um encontro em um hotel. Os dois estavam no quarto, quando ele desceu com a chave do automóvel e nunca mais apareceu. A vítima ficou sozinha dentro do estabelecimento e sem o veículo.

Na sequência, a mulher foi até a casa de uma conhecida de Thiago. Porém, debaixo de chuva, a parente informou que não sabia do paradeiro do jovem. Poucos dias depois o suspeito anunciou o carro da jovem em uma rede social. No anúncio, Thiago escreveu que o veículo iria virar ‘pizeira’.

Quem é o galã do crime?

Thiago já foi preso em Minas Gerais após cometer crimes semelhantes. O jovem é natural de Curitiba, porém, os familiares evitam contato. Nesta passagem pela capital paranaense, o rapaz ficou hospedado em um hotel, até para passar mais confiança às vítimas.

gala crime
(FOTO: REPRODUÇÃO/ RIC RECORD TV)

O pai de Thiago mora na Região Metropolitana de Curitiba, entretanto, durante contato telefônico com a RIC Record TV, informou que não gostaria de gravar entrevistas. Mesmo assim, confirmou que já teve a casa invadida por indivíduos que procuravam o filho.

De acordo com as últimas publicações que o suspeito realizou nas redes sociais, ele está em Balneário Camboriú.

CONHEÇA A HISTÓRIA DA LOIRA DO TRÁFICO

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.