Segurança

Após corrida de ‘app de transporte’, jovem de 19 anos nunca mais voltou para casa

Larissa Vitória da Silva Santos, que foi de carro compartilhado de Maringá para Sarandi na quarta (19), ainda se encontra desaparecida

Wilame
Wilame Prado / Repórter
Após corrida de ‘app de transporte’, jovem de 19 anos nunca mais voltou para casa
Jovem que ainda está desaparecida foi à cidade na região metropolitana de Maringá de Uber e nunca mais voltou. (FOTO: Arquivo pessoal)

22 de maio de 2021 - 10:56 - Atualizado em 23 de maio de 2021 - 15:58

Está desaparecida há quatro dias a jovem Larissa Vitória da Silva Santos, de 19 anos, moradora de Maringá. Segundo a Polícia Civil, por volta das 13 horas de quarta-feira (19), ela acionou uma corrida de carro compartilhado no Conjunto Requião, com destino a Sarandi, e nunca mais voltou.

De acordo com a mãe, Daniele Aparecida da Silva, a jovem não tinha o costume de sair de casa sozinha. A mãe informou ainda que Larissa não tem namorado, e que só foi para Sarandi porque tinha vendido um narguilé para uma moradora de Sarandi, isso logo após ter ido a um estabalecimento para tirar as sombrancelhas.

O delegado Adriano Garcia, da Polícia Civil de Sarandi, informou que, até na manhã deste sábado (22), Larissa ainda não havia sido encontrada. As investigações continuam e envolvem também a 9ª Subdivisão Policial (SDP) de Maringá.

Parente de um agente carcerário que atua em Sarandi, Larissa não usa drogas, não bebe e não fuma, segundo familiares. Quando saiu de casa, estava usando camiseta preta, calça jeans e óculos de grau. Ela mede cerca de 1,60m e tem os cabelos ruivos.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.