Segurança

Acusado de violentar, esganar e manter companheira em cárcere privado é preso, em Londrina

O homem havia sido preso em flagrante, em 2017; em 2018, foi libertado com o uso de tornozeleira eletrônica e, em 2019 teve o mandado expedido e estava foragido desde então

Ana Clara
Ana Clara Marçal / Estagiária com informações da Polícia Civil do Paraná e supervisão de Bruna Melo
Acusado de violentar, esganar e manter companheira em cárcere privado é preso, em Londrina
Foto: Pixabay

30 de julho de 2021 - 11:34 - Atualizado em 30 de julho de 2021 - 11:35

Um homem de 43 anos foi preso, nesta quarta-feira (28), pela Polícia Civil do Paraná (PCPR), no bairro Cinco Conjuntos, em Londrina, no norte do Estado. Ele estava foragido desde 2019.

Em 2017, o homem foi preso em flagrante após chegar em casa embriagado e tentar ter relações sexuais com sua companheira a força. Quando ela resistiu, ele passou a esganar e agredi-la. A vítima também foi mantida presa dentro da própria casa para não conseguir pedir ajuda.

Em fevereiro de 2018, o indivíduo foi solto usando tornozeleira eletrônica. Ele teve um mandado de condenação expedido novamente em 2019. Até esta quarta-feira (28), estava foragido da polícia.

O homem é condenado por sequestro, cárcere privado, constrangimento legal, vias de fato e ameaça. Ele foi encaminhado ao Departamento Penitenciário (Depen).