Saúde

Robô paranaense utilizado em hospital ganha destaque na América Latina

O robô ganhou destaque internacional por auxiliar no trabalho hospitalar

Aline
Aline Taveira / Produtora com Agência Estadual de Notícias
Robô paranaense utilizado em hospital ganha destaque na América Latina
O robô também é usado na realização de pesquisas relacionadas à Covid-19 (Foto: UEM)

26 de abril de 2021 - 12:59 - Atualizado em 26 de abril de 2021 - 12:59

O R1T1, robô usado no Hospital Universitário Regional de Maringá, foi considerado uma das principais iniciativas no uso da inteligência artificial para promoção do bem-estar e desenvolvimento social na América Latina e Caribe. O reconhecimento aconteceu em uma publicação internacional feita pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID)

O hospital paranaense foi o primeiro hospital do Brasil a aderir o uso do R1T1, que auxilia desde 2014 nas consultas, na interação com pacientes, na discussão de casos e na aproximação entre pacientes e familiares. O robô ainda apoia o Núcleo de Telemedicina e Telessaúde. 

Desde o início da pandemia, o R1T1 também tem ajudado a desinfectar leitos, graças à emissão de radiação ultravioleta que elimina vírus, bactérias e outros micro-organismos. Segundo a supervisora dos setores Covid-19 do HUM, a enfermeira Suelen Zandonadi Bernal, o robô tem sido “uma ajuda fundamental no combate ao novo coronavírus”.

“Além disso, o robô também é usado na realização de pesquisas relacionadas à Covid-19, pois permite essa interação entre pesquisador e participante por meio de um avatar e questionário eletrônico”.

explica a enfermeira Catia Millene Dell Agnolo, responsável pela utilização do equipamento.

O R1T1 

Segundo o coordenador da Project Company e desenvolvedor do robô, Antonio Henrique Dianin, graduado em engenharia de produção pela Universidade Estadual de Maringá (UEM), o R1T1 é o primeiro com função de telepresença na América Latina e já foi destaque em várias outras publicações internacionais. 

“Ele foi criado em 2013, é considerado o melhor robô mundial para aplicação na área da saúde e possui várias funcionalidades hospitalares. O HUM e a UEM sempre foram nossos parceiros e abraçaram de imediato este projeto”.

ressalta.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.