Coronavírus

Professora morre de Covid-19 seis dias depois do marido em Curitiba

Cristina Rodrigues de Almeida estava internada em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) desde o início do mês de junho; o casal deixa uma filha de 23 anos

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais
Professora morre de Covid-19 seis dias depois do marido em Curitiba
Foto: Reprodução/Facebook Rafael Greca

11 de junho de 2021 - 13:21 - Atualizado em 11 de junho de 2021 - 13:23

Uma professora da rede municipal de Curitiba morreu de Covid-19 na quinta-feira (10), seis dias depois da morte de seu marido Luiz Carlos Rodrigues de Almeida, de 51 anos, pela mesma doença.

De acordo com Sindicato dos Servidores do Magistério Municipal de Curitiba (Sismmac),  Cristina Rodrigues de Almeida, de 47 anos, era professora na capital desde 2015 e também trabalhava em Pinhais. Durante sua trajetória dedicada ao ensino, lecionou nas escolas municipais de Curitiba Vila Torres, Maria de Lourdes Lamas Pegoraro, Noely Simone de Ávila e por fim na Escola Municipal Professor Brandão. 

A educadora estava internada em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) desde o início do mês de junho e não resistiu ao agravamento das complicações causadas pelo novo coronavírus

O casal deixa uma filha de 23 anos.  

Em nota o Sismmac, lamentou a morte da profissional da educação e ressaltou sua “postura solidária, sempre disposta a ajudar e pela dedicação com que escutava e acolhia os problemas e angústias das pessoas”. 

O falecimento da professora também foi lastimado pelo prefeito Rafael Greca (DEM), que fez uma postagem em sua rede social.

“Perdemos hoje, a professora Cristina Rodrigues de Almeida. Nascida em 1974, tinha 47 anos. Vítima de Covid-19, assim como seu marido também falecido. Deixou uma filha, Cristiane Rodrigues de Almeida (23 anos). A professora Cristina deixará saudades pelas escolas onde ensinou: Vila Torres, Maria de Lourdes Lamas Pegoraro, Noely Simone de Ávila e na tradicional Escola Municipal Professor Brandão onde iniciou em 2019 e estava até o momento. Seja recebida na Casa do Senhor pelo muito que amou e trabalhou. É a décima terceira baixa na Rede Municipal de Ensino mesmo com as escolas municipais fechadas desde o começo de 2020”, escreveu Greca.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.