Coronavírus

Piraquara fará vacinação contra a covid-19 das 17h às 21h nesta quinta (20)

O atendimento diferenciado do Corujão da Vacinação será no Complexo Administrativo Vila da Cidadania, no bairro Jardim Primavera

Caroline
Caroline Maltaca / Estagiária
Piraquara fará vacinação contra a covid-19 das 17h às 21h nesta quinta (20)
Prefeitura de Piraquara estende horário de vacinação contra a covid-19 (Foto: Prefeitura de Piraquara)

19 de maio de 2021 - 17:30 - Atualizado em 19 de maio de 2021 - 17:30

A Secretaria Municipal de Saúde de Piraquara realizará nesta quinta-feira (20) mais um Corujão da Vacinação. O atendimento em horário diferenciado, das 17h às 21h, tem como objetivo atender pessoas de 50 anos ou mais, que tenham alguma doença preexistente, conforme lista considerada pelo Ministério da Saúde, no Plano Nacional de Imunização.

Entre os documentos necessários para se vacinar está a documentação comprobatória da comorbidade, documento com foto, CPF e comprovante de endereço.

O local onde ocorrerá a entrega da vacina é no Complexo Administrativo Vila da Cidadania, localizado na Rod. João Leopoldo Jacomel, nº 4675, Jardim Primavera.

Lista de comorbidades indicadas para vacinação contra a covid-19:

1 – Diabetes mellitus – qualquer indivíduo com diabetes;

2 – Pneumopatia crônica grave – indivíduos com pneumopatias graves incluindo doença pulmonar obstrutiva crônica, fibrose cística, fibroses pulmonares, pneumoconioses, displasia broncopulmonar e asma grave com uso recorrente de corticoides sistêmicos ou internação prévia por crise asmática.

3 – Hipertensão Arterial Resistente 
– pacientes cuja pressão arterial permanece acima das metas recomendadas com o uso de três ou mais anti-hipertensivos de diferentes classes, em doses máximas preconizadas e toleradas, administradas com frequência, dosagem apropriada e comprovada adesão ou com pressão arterial controlada em uso de quatro ou mais fármacos anti-hipertensivos;

4 – Hipertensão Arterial estágio 3 
 – pressão arterial sistólica ≥180mmHg e/ou diastólica ≥110mmHg independente da presença de lesão em órgão-alvo ou comorbidade;

5 – Hipertensão Arterial estágio 1 e 2 com lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade (pressão arterial sistólica entre 140 e 179mmHg e/ou diastólica entre 90 e 109mmHg na presença de lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade);

6 – Insuficiência cardíaca com fração de ejeção reduzida, intermediária ou preservada; em estágios B, C ou D, independente de classe funcional da New York Heart Association;

7 – Cor-pulmonale crônico, hipertensão pulmonar primária ou secundária;

8 – Cardiopatia hipertensiva – hipertrofia ventricular esquerda ou dilatação, sobrecarga atrial e ventricular, disfunção diastólica e/ou sistólica, lesões em outros órgãos-alvo;

9 – Síndromes coronarianas crônicas – angina pectoris estável, cardiopatia isquêmica, pós-infarto agudo do miocárdio);

10 – Valvopatias – lesões valvares com repercussão hemodinâmica ou sintomática ou com comprometimento miocárdico;

11 – Miocardiopatias de quaisquer etiologias ou fenótipos; pericardite crônica; cardiopatia reumática;

12 – Doenças da aorta, dos grandes vasos e fístulas arteriovenosas (aneurismas, dissecções, hematomas da aorta e demais grandes vasos);

13 – Arritmias cardíacas com importância clínica e/ou cardiopatia associada (fibrilação e flutter atriais; entre outras);

14 – Cardiopatias congênitas no adulto com repercussão hemodinâmica, crises hipoxêmicas; insuficiência cardíaca; arritmias; comprometimento miocárdico;

15 – Doença cerebrovascular – acidente vascular cerebral isquêmico ou hemorrágico; ataque isquêmico transitório; demência vascular;

16 – Doença renal crônica estágio 3 ou mais – taxa de filtração glomerular < 60 ml/min/1,73 m2) e síndrome nefrótica;

17 – Imunossuprimidos (indivíduos transplantados de órgão sólido ou de medula óssea; pessoas vivendo com HIV; doenças reumáticas imunomediadas sistêmicas em atividade e em uso de dose de prednisona ou equivalente > 10 mg/dia ou recebendo pulsoterapia com corticóide e/ou ciclofosfamida; demais indivíduos em uso de imunossupressores ou com imunodeficiências primárias; pacientes oncológicos que realizaram tratamento quimioterápico ou radioterápico nos últimos 6 meses; neoplasias hematológicas);

18 – Hemoglobinopatias graves – doença falciforme e talassemia maior;

19 – Obesidade mórbida (IMC ≥ 40);

20 – Síndrome de down (trissomia do cromossomo 21);

21 – Cirrose hepática (cirrose hepática Child – Pugh A, B ou C);

22 – Pessoas com deficiência permanente entre 18 e 59 anos e que sejam cadastradas no Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Alimentos arrecadados

Para tentar reduzir a situação de vulnerabilidade social do município atendidas pela Secretaria Municipal de Assistência Social, a Prefeitura de Piraquara segue com a ação de arrecadação de alimentos durante os dias de vacinação.

As doações voluntárias são recebidas no ato de aplicação da vacina pela equipe da Secretaria Municipal de Saúde e a população que deseja participar da ação solidária deve levar um quilo de alimento não perecível.

A contribuição é voluntária e a única recomendação é que os alimentos doados tenham o prazo de validade de no mínimo um mês.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.