Coronavírus

Mau tempo deve atrasar chegada de vacinas contra coronavírus a Maringá

As mais de 12 mil novas doses da vacina serão transportadas de avião e devem chegar apenas no sábado (17)

Renan
Renan Vallim / Repórter
Mau tempo deve atrasar chegada de vacinas contra coronavírus a Maringá
(Foto: Ari Dias /AEN)

16 de julho de 2021 - 12:13 - Atualizado em 16 de julho de 2021 - 12:13

O envio de novas doses de vacina para a 15ª Regional de Maringá, que era esperado para acontecer nesta sexta-feira (16), deverá atrasar. O mau tempo registrado na cidade maringaense deve inviabilizar a chegada dos imunizantes, que serão transportados de avião.

A expectativa era do recebimento de 12.195 doses de vacinas AstraZeneca/Oxford, que deverão agora chegar apenas no sábado (17). Os imunizantes fazem parte de um novo lote de 235.500 vacinas contra a Covid-19, recebido pelo Governo do Estado do Paraná, e são produzidos pela Fiocruz/AstraZeneca/Oxford.

Estas doses farão com que o Estado dê sequência à vacinação por faixa etária, que está, na maioria dos 399 municípios, na casa de 30 ou 40 anos. A remessa tem também um quantitativo de reserva técnica que deve ser utilizada para perdas físicas ou quebra de frascos.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.