Coronavírus

Lote com 37,4 mil vacinas da Pfizer chega ao Paraná

O Paraná recebeu até agora 2.566.950 doses da vacina AstraZeneca/Fiocruz, 2.550.400 doses da vacina CoronaVac/Butantan e 177.840 doses da Pfizer/BioNTech, somando 5.295.190 vacinas.

Giselle
Giselle Ulbrich com informação da AEN
Lote com 37,4 mil vacinas da Pfizer chega ao Paraná
A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) recebeu na noite desta quarta-feira (26) a quarta remessa de vacinas contra a Covid-19 da Pfizer/BioNTech. O quantitativo de 37.440 doses faz parte da 21ª remessa de distribuição do Ministério da Saúde. - Curitiba, 26/05/2021 - Foto: Ari Dias/AEN

26 de maio de 2021 - 21:21 - Atualizado em 26 de maio de 2021 - 21:21

O Paraná recebeu nesta quarta-feira (26) a quarta remessa de vacinas contra a Covid-19 da Pfizer/BioNTech. O lote de 37.440 doses faz parte da 21ª remessa de distribuição do Ministério da Saúde e chegou ao Centro de Medicamentos do Paraná (Cemepar) às 20 horas.

A orientação do 19º Informe Técnico é de que as doses sejam destinadas à primeira aplicação (D1) em pessoas com comorbidades, deficiência permanente e gestantes e puérperas com comorbidades.

“Cada remessa de vacina que recebemos é a certeza de que mais paranaenses serão imunizados. As equipes do Centro de Medicamentos e da Imunização estão trabalhando agora para agilizar a distribuição destes imunizantes, viabilizando a descentralização das doses para mais municípios do Estado”, disse o secretário de Estado da Saúde, Beto Preto.

Orientações

A vacina norte-americana possui orientações específicas sobre armazenamento e aplicação das doses. O imunizante precisa ser diluído em soro fisiológico para aplicação e necessita de conjunto de seringas específicas de 1 ml. Além disso, o armazenamento das doses a longo prazo exige ultrafreezers que podem chegar a -80ºC.

“As vacinas chegam ao Estado em temperatura média de -20ºC. Nós realizamos o armazenamento das doses nesta mesma temperatura e quando a distribuição é definida, os imunizantes são enviados de 2ºC a 8ºC para os municípios. A partir do recebimento, as equipes municipais têm até cinco dias para aplicarem as doses.”

Margely de Souza Nunes, diretora do Centro de Medicamentos do Paraná (Cemepar)

Descentralização

Beto Preto explica que pelas condições diferenciadas de administração e conservação da vacina, cada lote recebido da Pfizer precisa de uma análise antes da distribuição.

“O Programa Estadual de Imunização verifica o número de doses recebidas e a capacidade de armazenamento e aplicação dos municípios, que precisam utilizar essas vacinas em até cinco dias. Após isso é definido a distribuição e a descentralização das doses”, explicou.

“No primeiro lote somente a capital foi contemplada, conforme recomendação do Ministério da Saúde, mas graças à ampla rede de imunização do Estado em todas as regiões, estamos conseguindo distribuir essas vacinas para cada vez mais municípios”, arrematou o secretário.

As doses da Pfizer já foram distribuídas para Curitiba, Maringá, Cascavel, Londrina, Ponta Grossa, Guarapuava, Foz do Iguaçu, Araucária, Campo Largo, São José dos Pinhais, Colombo e Pinhais.

Lotes

O Paraná recebeu até agora 2.566.950 doses da vacina AstraZeneca/Fiocruz, 2.550.400 doses da vacina CoronaVac/Butantan e 177.840 doses da Pfizer/BioNTech, somando 5.295.190 vacinas.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.