Coronavírus

Idosa londrinense tem CPF clonado e usado para vacinação em outro estado

Ao chegar na UBS, a profissional de saúde informou Carmen que, no sistema, já constava a aplicação da primeira dose com aqueles dados

Bruna
Bruna Melo / Repórter com informações de Lamartine Cortes, da RIC Record TV de Londrina
Idosa londrinense tem CPF clonado e usado para vacinação em outro estado

6 de maio de 2021 - 11:55 - Atualizado em 6 de maio de 2021 - 11:55

Um caso registrado em Londrina, norte do Paraná, levanta atenção para um possível golpe. Uma senhora de 62 anos descobriu que teve seu CPF usado para vacinação contra a Covid-19 em outro estado já na hora de tomar a vacina. Mesmo sem ter conhecimento do fato, ela não conseguiu receber a dose. 

Carmen Carvalho foi se vacinar na Unidade Básica de Saúde do Ernani Moura Lima, zona leste da cidade. Ao chegar, a profissional de saúde informou a Carmen que, no sistema, já constava a aplicação da primeira dose naquele CPF. A pessoa que usou os dados é de Florianópolis (SC). 

“Assim como ele [golpista] usou para tomar vacina, pode estar usando para abrir firma, fazer empréstimo no meu nome, comprar coisas.”

disse Carmen Carvalho ao repórter Lamartine Cortes.

Foi preenchido um boletim de ocorrência na Polícia Civil de Londrina. Carmen apresentou seu cadastro prévio feito no site da prefeitura como prova. O caso está sendo investigado também pela Secretaria de Saúde da cidade.

Carmen é cabeleireira e teme pela sua saúde por estar em contato com o público. Ela contou à reportagem do Balanço Geral Londrina que não tem amigos ou familiares em Florianópolis, e nem ao mesmo visitou o local. 

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.