Coronavírus

Grávidas entram para grupo prioritário e devem ser vacinadas contra a covid-19, em Londrina

Ministério da Saúde recomendou prioridade para grávidas e puérperas com comorbidade

Bruna
Bruna Melo / Repórter
Grávidas entram para grupo prioritário e devem ser vacinadas contra a covid-19, em Londrina
Foto: Ilustrativa/Pixabay

27 de abril de 2021 - 12:48 - Atualizado em 27 de abril de 2021 - 12:48

Grávidas com comorbidades entram para o grupo prioritário na vacinação contra a Covid-19 de Londrina, norte do Paraná. Também estão incluídas mulheres em período pós-parto que tenham doenças associadas. A decisão veio após orientação do Ministério da Saúde.

Felippe Machado, secretário de saúde de Londrina, ressalta que mulheres que se encaixam nos requisitos para vacinação serão as primeiras da fila, junto às pessoas com síndrome de Down. Em outros estados, como o Rio de Janeiro, o grupo já está recebendo as doses.

A vacinação em Londrina segue com pessoas na faixa dos 18 aos 59 anos que tenham doenças agravantes. Os cadastros estão sendo realizados no site da prefeitura.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.