Coronavírus

Forças policiais realizam operação mais severa contra a covid-19 em Maringá

As denúncias devem ser feitas nos telefones 153 (da GM) e 156 (da Ouvidoria)

Daniela
Daniela Borsuk com informações da Prefeitura de Maringá
Forças policiais realizam operação mais severa contra a covid-19 em Maringá
(Foto: Aldemir de Moraes/ PMM)

28 de maio de 2021 - 20:17 - Atualizado em 28 de maio de 2021 - 20:18

Começou às 18h desta sexta-feira (28), a Operação Covid em Maringá, que une integrantes do Grupo de Gestão Integrada (GGI) da Prefeitura de Maringá e Quarto Batalhão da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros. O objetivo da ação é garantir o cumprimento dos decretos municipal e estadual de contenção à disseminação do coronavírus.

“Temos a determinação do Governo do Paraná de fazer com que os decretos estadual e municipal sejam cumpridos visando a diminuição do uso de leitos de UTI e melhorar os índices de saúde da população”, explica o capitão Alexandro Gomes, do Quarto Batalhão.

As vistorias prometem ser mais rigorosas que as anteriores devido a situação da pandemia, principalmente com o aumento nos casos de hospitalização de jovens. “Vamos manter a quantidade e aumentar a severidade”, garante o capitão.

Desta vez, o Corpo de Bombeiros vai agir após as vistorias, visitando os locais em que forem encontradas irregularidades para fiscalizar questões técnicas dos estabelecimentos. O setor de inteligência do Quarto Batalhão (P2) também vai apoiar as ações do GGI. 

As denúncias devem ser feitas nos telefones 153 (da GM) e 156 (da Ouvidoria). Também há opção pela internet, a qualquer hora do dia e a semana toda, na Ouvidoria Online . 

As fiscalização devem acontecer das 18h até a meia-noite de sexta-feira (28) e de sábado (29) e das 14h às 20h de domingo (30).

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.