Coronavírus

Em novo decreto, Prefeitura de Matinhos aumenta toque de recolher para conter a Covid-19

Aos domingos, todo tipo de comércio e de atividades não essenciais também deixam de funcionar

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais
Em novo decreto, Prefeitura de Matinhos aumenta toque de recolher para conter a Covid-19
(Foto: Denis Ferreira Netto/IAP)

19 de maio de 2021 - 16:08 - Atualizado em 19 de maio de 2021 - 16:09

A Prefeitura de Matinhos publicou nesta terça-feira (18) um novo decreto para tentar conter a Covid-19 na cidade. Conforme as novas regras, que valem até a meia-noite do dia 31 de maio, a restrição da circulação de pessoas em espaços de uso público ou coletivo é estendida em uma hora. O mesmo vale para a restrição da venda e consumo de bebida alcoólica. Assim, o toque de recolher e lei seca passam a vigorar das 22 horas até as 5 da manhã do dia seguinte.

Aos domingos, todo tipo de comércio e de atividades não essenciais também deixam de funcionar. Nos outros dias da semana, estabelecimentos poderão abrir das 10 às 22 horas, com 50% de ocupação. Fora desses horários durante a semana, e aos domingos, será permitido somente o atendimento na modalidade delivery.

O decreto municipal nº 500 (confira abaixo) adota todas as medidas contidas no decreto estadual nº 7.672, publicado na segunda-feira (17) e prorroga as disposições trazidas pelo decreto municipal nº 482, divulgado pela Prefeitura na última sexta-feira (14).

Já os serviços e atividades essenciais (supermercados, farmácias e clínicas médicas) não terão que atender as regras de toque de recolher. Esses estabelecimentos seguem as normativas do decreto anteriormente publicado.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.