Coronavírus

Covid-19: Transparência da vacinação nos municípios precisa melhorar, aponta TCE-PR

Levantamento conclui que a média dos critérios atingidos pelas prefeituras é de pouco mais que 54%

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais com supervisão de Guilherme Barchik
Covid-19: Transparência da vacinação nos municípios precisa melhorar, aponta TCE-PR
(Foto: Jonathan Campos/AEN)

31 de maio de 2021 - 16:33 - Atualizado em 31 de maio de 2021 - 16:33

Levantamento feito pelo Tribunal de Contas do Paraná (TCE-PR), entre março e maio deste ano, aponta que a maioria das prefeituras devem melhorar a transparência da vacinação contra a Covid-19.

O órgão aplicou uma nova versão da pesquisa do Índice de Transparência da Administração Pública (ITP), específica sobre a vacinação, aos 399 municípios do estado.

As questões presentes no formulário diziam respeito à divulgação do plano de ação municipal para a vacinação da população local; das informações sobre a segurança, eficácia, potenciais riscos e benefícios das vacinas utilizadas; da ordem dos grupos prioritários a serem imunizados; do “vacinômetro”; do quantitativo de insumos e doses de vacinas recebidas ou adquiridas; de canais para denúncia de “fura-filas” e outras irregularidades; de telefones e horários de funcionamento dos pontos de imunização; dos processos de aquisição de insumos e vacinas; e do registro de possível sobra de doses de imunizantes.

A média do atendimento aos critérios do questionário ficou em 54,2%, com 214 prefeituras atingindo notas superiores a este percentual. Destas, 120 superaram o índice de 80%, 84 prefeituras atingiram mais de 90% dos critérios e somente 36 cumpriram integralmente todos os itens do levantamento, situação que também foi verificada no governo estadual.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.