Guilherme
Guilherme Becker / Editor com informações do Ministério da Saúde

28 de janeiro de 2020 - 00:00

Atualizado em 28 de janeiro de 2020 - 00:00

Notícias

Casos suspeitos de coronavírus são monitorados no Brasil; dois deles em Curitiba

Casos suspeitos estão em Curitiba, Porto Alegre e Belo Horizonte

Casos suspeitos de coronavírus são monitorados no Brasil; dois deles em Curitiba
(FOTO: DIVULGAÇÃO/ SESA)

O Ministério da Saúde informa que foi notificado, até às 17h desta terça-feira (28), de outros dois casos suspeitos do novo coronavírus no Brasil. Assim, no total, três casos suspeitos da doença são monitorados pelas autoridades de saúde brasileiras. Eles estão localizados em Porto Alegre (RS) e Curitiba (PR), além de Belo Horizonte (MG), noticiado na manhã desta terça-feira (28).

Entretanto o secretário estadual da Saúde do Paraná, Beto Preto, informou que duas pessoas estão com suspeita de coronavírus em Curitiba.

Os pacientes se enquadraram na atual definição de caso suspeito para nCoV-2019 (o novo coronavírus), estabelecida pela Organização Mundial da Saúde (OMS), ou seja, apresentaram febre e, pelo menos um sinal ou sintoma respiratório, e viajaram para área de transmissão local nos últimos 14 dias.

A OMS aumentou o nível de alerta para alto em relação ao risco global do novo coronavírus, por isso, o Ministério da Saúde orienta que viagens para a China devem ser realizadas em casos de extrema necessidade. Com quase três mil casos confirmados, segundo o boletim da OMS de 27 de janeiro, todo o território chinês passa a ser considerado área de transmissão ativa da doença.

Casos suspeitos de coronavírus em Curitiba

Um homem de 29 anos, que esteve na China nos últimos 14 dias, está internado no Hospital Santa Cruz com suspeita de coronavírus. O paciente apresenta um quadro de infecção respiratória leve e segundo a Secretaria da Saúde do Estado do Paraná (Sesa), os sintomas se caracterizam com a doença.

Na noite desta terça-feira (28), a Sesa confirmou a suspeita de mais um caso na capital paranaense. Trata-se de uma mulher, de 23 anos, que procurou uma Unidade de Saúde, no bairro Boqueirão, e depois foi encaminhado ao Hospital de Clínicas.

Uma entrevista coletiva com o secretário estadual da Saúde, Beto Preto, a secretária de Saúde de Curitiba, Márcia Huçulak, e representantes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) está agendada para às 10h, desta quarta-feira (29), para explicar a situação de casos suspeitos de Coronavírus na capital.