Saúde

Como cuidar da imunidade no Inverno

Nutracêuticos, como o Imunity da BelClinic Dermoativos, são aliados importantes para atravessar a estação ajudando a evitar infecções virais causadores de gripes, resfriados e COVID-19

Nina
Nina Machado / Comando News
Como cuidar da imunidade no Inverno
crédito: freepik

21 de junho de 2021 - 14:49 - Atualizado em 21 de junho de 2021 - 14:49

A chegada do inverno, cuja data oficial de início é dia 21 de junho, vem acompanhada da maior incidência de resfriados e gripes, já que o frio dessa época deixa o organismo mais propenso a essas doenças. Além disso, com as temperaturas mais baixas as pessoas permanecem mais tempo em ambientes fechados o que facilita a disseminação de vírus. Para evitar essas doenças é importante estar atento à imunidade. 

É consenso entre os médicos e outros profissionais de saúde que se alimentar bem, não descuidar da hidratação, dormir bem, se exercitar regularmente e gerenciar o estresse ajudam a melhorar a imunidade. Cuidados com a higienização das mãos e utilização de máscaras, fundamentais para evitar a COVID-19, também são importantes para prevenir as doenças comuns no inverno como gripes e resfriados. Vale ressaltar que esses hábitos saudáveis ajudam muito. Porém, sozinhos não impedem que as pessoas fiquem doentes. 

Sintomas de doenças comuns no outono e inverno podem ser confundidos com os da COVID-19 

Depois de mais de um ano vivendo a pandemia no Brasil, alguns fatos sobre o coronavírus já são conhecidos, outros ainda vêm sendo analisados pelos cientistas. Ainda não está claro para a ciência o motivo de algumas pessoas serem assintomáticas e outras mais vulneráveis a desenvolverem os casos mais graves da doença. Ficou provado também, mesmo pessoas saudáveis e sem comorbidades, também terem o estado de saúde agravado pela COVID-19.  

As novas variantes do coronavírus e a escassez de vacinas para toda a população adulta do país são dois motivos que aumentam as preocupações com a saúde e o bem-estar com a chegada do inverno. De acordo com especialistas, é indicado neste momento prestar atenção ao sistema imunidade e buscar fortalecê-lo. 

Suplementação alimentar é alternativa para melhorar a imunidade 

Outro ponto importante para manter o sistema imune em dia é a suplementação alimentar. Muitas pessoas não conseguem consumir diariamente a quantidade necessária de vitaminas e minerais fundamentais para o fortalecimento da imunidade. 

Para cumprir esse papel, nutracêuticos como o Imunity da BelClinic Dermoativos são aliados importantes para atravessar a estação mais fria do ano de maneira saudável, ajudando a evitar infecções virais causadores de gripes, resfriados e COVID-19.  

O Imunity da Belclinic Dermoativos possui ingredientes indispensáveis para o fortalecimento da imunidade como:

Vitamina D3 – é a melhor fonte natural de vitamina D. O colecalciferol fortifica o sistema imunológico, podendo prevenir o surgimento de doenças autoimunes, como a gripe e alergias sazonais. 

Vitamina C – fortalece o sistema imunológico, sendo um aliado importante para combater infecções, gripes e resfriados. É um antioxidante do corpo humano. 

Vitamina A – é essencial ao crescimento e desenvolvimento do ser humano. Atua também na manutenção da visão, no funcionamento adequado do sistema imunológico (defesa do organismo contra doenças, em especial as infecciosas), mantém saudáveis as mucosas (cobertura interna do corpo que recobre alguns órgãos como nariz, garganta, boca, olhos, estômago) que também atuam como barreiras de proteção contra infecções.

Zinco – O zinco é um mineral que só pode ser obtido pela alimentação ou suplementação e participa de mais de 300 reações químicas do corpo. Sua deficiência no organismo, pode causar várias alterações no sistema imune e na produção de hormônios. 

O zinco tem um papel claramente estabelecido na resposta imune a infecções virais, por meio da diminuição dos radicais livres, inibição da proliferação dos vírus no organismo, aumento da resistência celular e diminuição de sintomas. 

Além disso, um artigo recente da revista Nature relatou que alguns sintomas da infecção pelo coronavírus, como perda de olfato e paladar podem estar relacionados à deficiência de zinco.  

Selênio – é um mineral com um alto poder antioxidante e por isso ajuda a prevenir doenças como o câncer e a fortalecer o sistema imunológico, além de proteger contra problemas cardíacos como a aterosclerose.

Sobre o Imunity da BelClinic Dermoativos 


O Imunity da BelClinic Dermoativos, 30 cápsulas vegetais, é um nutracêutico em cápsulas com vitamina D3, vitamina C, vitamina A, zinco e selênio. Posologia: 1 cápsula ao dia. O  Imunity pode ser encontrado na loja virtual da BelClinic Dermoativos Preço sugerido: R$ 108,09.  

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.