Saúde

A importância da prevenção de doenças oculares em tempos de home office

A pandemia está trazendo problemas que vão além de mortes e sequelas provocadas pela COVID19

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais
A importância da prevenção de doenças oculares em tempos de home office

28 de maio de 2021 - 10:40 - Atualizado em 28 de maio de 2021 - 10:40

Se por um lado há os benefícios com algumas mudanças de hábitos como o home office que torna o trabalho ágil e permite que o funcionário passe mais tempo em casa, por outro lado, o uso excessivo de tecnologia com aumento no tempo de permanência em frente às telas de celulares, computadores ou tablets tende a afetar a saúde ocular e pode levar à cegueira.


A pesquisa Global Digital Overview 2020, feita pelo site We Are Social, em parceria com a ferramenta Hootsuitem, constatou que o ser humano fica on-line em média 6 horas e 43 minutos por dia.


Esses números trouxeram à tona a síndrome da visão por computador ou Síndrome da Visão Computacional (CVS), causada pelo uso excessivo dos aparelhos digitais, que acontece quando a luz dos dispositivos está tão intensa que chega a imitar a luz solar e confundir nossos hormônios, ao ponto de diminuir substancialmente a qualidade do sono e a conhecida troca do dia pela noite.


Permanecer por mais de 6 horas ao dia em frente aos eletrônicos pode ocasionar dores de cabeça, cansaço visual e envelhecimento precoce da retina. Existem dois tipos de luz azul: a turquesa e a violeta.


A “luz azul violeta” é considerada a vilã da história. Isso porque ela está presente em praticamente todos os eletrônicos que usamos diariamente, sendo quase impossível escapar dela.

Segundo o IBGE, mais de 35 milhões de brasileiros sofrem algum tipo de alteração na visão e números apontam que 50% da população mundial terá de usar óculos até 2050.


Para ajudar a combater esse mal, a organização “Num Piscar de Olhos” está firmando parceria com órgãos de classes para realizar uma triagem visual a fim de identificar precocemente alterações na visão de adultos e crianças.


Em formato de “blitz in loco”, profissionais de saúde do projeto realizam a mais completa Triagem Visual para verificar a acuidade visual e erros refrativos, com rapidez, segurança e eficácia, utilizando dois dos mais modernos equipamentos portáteis, proporcionando comodidade e praticidade no atendimento.


“A maioria das doenças oculares são silenciosas e as pessoas só procuram auxílio médico quando ela já está em estágio avançado. Como é o caso da Catarata e do Glaucoma. Ter informações a respeito das doenças que podem levar à cegueira é o primeiro passo para a adoção de medidas preventivas”, explica Dr. Carlos Augusto Moreira Júnior, responsável técnico pelo projeto e diretor clínico do Hospital de Olhos do Paraná.


Preocupados com a saúde ocular dos advogados que passaram a exercer sua função principalmente online, a Caixa de Assistência dos Advogados do Paraná (CAA-PR) firmou parceria com a organização e lançará a Campanha Saúde Ocular. Entre os dias 24 e 28 de maio, na sede da entidade, serão realizadas triagens visuais de forma gratuita para advogados na sede da OAB-Pr, com agendamento prévio pelo portal Saúde Ocular 2021 (www.caapr.org.br/saudeocular2021) e respeitando os protocolos de segurança contra a COVID-19.


“É com grande satisfação que oferecemos mais um serviço de excelência, com tecnologia de ponta e coordenado por cientistas de renome, colocando à disposição dos advogados o que há de mais moderno na prevenção de doenças oculares”, afirma o Presidente da CAA-PR Fabiano Augusto Piazza Baracat.


A diretoria da CAA-PR estuda a possibilidade de levar a campanha para outras regiões do estado.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), de 60% a 80% dos casos de cegueira são evitáveis. Entre as causas mais comuns de perda de visão estão a Catarata, o Glaucoma, a Retinopatia Diabética, a Degeneração Macular Relacionada à Idade (DMRI) e a cegueira infantil.


Data: 24 a 28 de maio
Local: Sede OAB PR- Rua Brasilino Moura, 253 – Ahú
Agendamento: www.caapr.org.br/saudeocular2021

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.