Notícias

Sanepar é multada em R$ 5,1 milhões pelo Procon após falta de água em Maringá

Após a entrega do auto de infração, que ocorreu na tarde de hoje, a Sanepar tem dez dias para apresentar uma defesa

Gabriel
Gabriel Trevisan
Sanepar é multada em R$ 5,1 milhões pelo Procon após falta de água em Maringá
Foto: Fábio Guillen

14 de setembro de 2020 - 17:22 - Atualizado em 14 de setembro de 2020 - 17:24

A Companhia de Saneamento do Paraná, Sanepar, foi multada na tarde desta segunda-feira (14) em mais de R$ 5,1 milhões pelo Procon. A razão da multa é a falta de água em cerca de 40 bairros da zona leste, de Maringá, atingindo mais de 15 mil domicílios.

O Procon explica que a penalidade foi aplicada devido a falha na prestação de serviços essenciais, falta de informações para o consumidor, além da falta de planejamento e demora para resolver o problema.

Mesmo com uma multa alta, a água ainda não voltou em bairros como Karina, Liberdade, América, Parigot de Souza e Requião. A situação de abastecimento e suporte só não foi pior porque a prefeitura liberou aos moradores o abastecimento de água por meio de caminhões pipas em escolas e Cemeis da região.

Após a entrega do auto de infração, que ocorreu na tarde de hoje, a Sanepar tem dez dias para apresentar uma defesa e 24 horas para informar quais as providências tomadas até agora.