Notícias

Presos são transferidos de delegacia após caso de sarna em carceragem

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

2 de fevereiro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 2 de fevereiro de 2019 - 00:00

Doze presos foram transferidos e outros 40 permanecem na delegacia (Foto: Google Earth)

A Vigilância Sanitária vistoriou e constatou o perigo de contágio biológico para fora do prédio, deixando a população vizinha em risco

Detentos precisaram ser transferidos da Delegacia de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, nesta sexta-feira (1º), depois do registro de casos de sarna nas carceragens.

Presos contraem sarna em delegacia

Segundo o Conselho da Comunidade da Comarca da Região Metropolitana de Curitiba, 12 presos foram transferidos e outros 40 permanecem na delegacia. A Vigilância Sanitária vistoriou e constatou o perigo de contágio biológico para fora do prédio, deixando a população vizinha em risco.

Em nota, a Secretaria de Estado de Segurança Pública e Administração Penitenciária (Sesp) afirmou que a ação foi tomada após a criação de uma força-tarefa, que foi “coordenada pelo juiz de direito da execução penal de São José dos Pinhais, junto com o Conselho da Execução Penal do município, Vigilância Sanitária, Secretaria da Saúde e Guarda Municipal”.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.