Política

Prefeito de Goioerê é denunciado pelo Ministério Público por suposta compra de votos

De acordo com MPPR, Betinho Lima (PSD) teria comprado e distribuído 200 cestas básicas, ao custo total de R$ 104.850,00  durante a campanha de 2020

Caroline
Caroline Maltaca / Estagiária com informações do MPPR
Prefeito de Goioerê é denunciado pelo Ministério Público por suposta compra de votos
Prefeito de Goioerê é denunciado pelo Ministério Público por suposta compra de votos (Foto: Reprodução)

8 de junho de 2021 - 17:42 - Atualizado em 10 de junho de 2021 - 16:11

O Ministério Público do Paraná (MPPR) anunciou nesta terça-feira (8) que ofereceu denúncia por crime eleitoral contra o atual prefeito de Goioerê, Betinho Lima (PSD). Segundo o órgão, Lima é suspeito de distribuição ilegal de cestas básicas durante a campanha eleitoral de 2020.

De acordo com a apuração do MPPR, ainda quando candidato, Betinho Lima teria comprado e distribuído 200 cestas básicas, ao custo total de R$ 104.850,00, como forma de induzir o voto de eleitores – cometendo o crime popularmente chamado de “compra de votos”. Além disso, conforme a denúncia encaminhada pelo órgão público, por se tratar de ato ilícito, não declarou a despesa na prestação de contas de sua campanha.

As penas para os crimes eleitorais denunciados, previstos nos artigos 299 (“compra de votos”) e 350 (omissão na prestação de contas) do Código Eleitoral, podem chegar a até sete anos de reclusão.

O que diz o prefeito

A assessoria da Prefeitura do município informou que até o momento, Betinho Lima ainda não foi notificado sobre o caso e portanto, “desconhece o teor da denúncia”.

“O prefeito está tranquilo em relação a essa situação, uma vez que tem consciência de que não praticou qualquer ato ilícito em sua campanha eleitoral e que, tão logo seja citado e se informe sobre o teor de tal denúncia, estará à disposição da imprensa”

informou em nota.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.