Marc Sousa
Fala Marc!

Por Marc Sousa

Política
Marc Sousa

Deltan Dallagnol analisa sua saída da Lava Jato: “O que está em jogo é minha filha”

Em entrevista exclusiva, Deltan explica os motivos da saída, confirma que há pressão política na Lava Jato e analisa a atuação da Força Tarefa.

Deltan Dallagnol analisa sua saída da Lava Jato: “O que está em jogo é minha filha”
(Foto: Eduardo Matysiak)

1 de setembro de 2020 - 21:54 - Atualizado em 24 de setembro de 2020 - 16:17

Procuradores para atuar na Lava Jato, existem dezenas, mas para atuar como pai para minha filha, sou só eu“, afirma Deltan em relação a sua saída da Operação Lava Jato.

Em entrevista exclusiva concedida para o RIC Notícias, Deltan Dallagnol fala sobre as pressões políticas, a continuidade da Força Tarefa e o futuro.

“Hoje nós temos uma série de decisões que tornam muito difícil a luta contra a corrupção”, afirma.

Confira a conversa com Deltan Dallagnol na íntegra:

Segundo Deltan, o procurador da República no Paraná, Alessandro José Fernandes de Oliveira é “reconhecido pela sua competência”e está apto para desempenhar as funções até então exercidas por Dallgnol. 

Questionado sobre seu legado na Lava Jato, afirma:

“Quando eu olho para a Lava Jato como um todo, eu vejo que junto com a sociedade brasileira, a gente conseguiu resultados muito significativos, inéditos na história. A gente rompeu a impunidade brasileira, responsabilizou poderosos, recuperou bilhões

“Equívocos podem ter sido cometidos ao longo no tempo mas a gente tem um sistema judiciário justamente para corrigir eventuais equívocos. Quanto você está inovando, criando novas coisas, você pode estar sujeito a alguma melhora”, disse Deltan ao citar a criação do Acordo de Leniência e Acordo de Colaboração Premiada.

O filme é bom“, finaliza.

Deltan Dallagnol terá um futuro político? Segundo ele, não: “hoje eu não tenho a menor cogitação nesse sentido”.

“Se você apoia a Lava Jato, continue, você pode fazer toda a diferença nessa história”, encerra.