Marc Sousa
Fala Marc!

Por Marc Sousa

Política
Marc Sousa

Alexandre de Moraes manda Roberto Jefferson do hospital de volta ao presídio

Em agosto, a Procuradoria-Geral da República (PGR) denunciou Jefferson por incitação ao crime, ameaça às instituições e homofobia

Alexandre de Moraes manda Roberto Jefferson do hospital de volta ao presídio
(Imagem: Reprodução / Redes Sociais)

13 de outubro de 2021 - 22:41 - Atualizado em 13 de outubro de 2021 - 22:41

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, decidiu nesta quarta-feira (13) mandar o presidente do PTB, Roberto Jefferson, do hospital direto de volta à cadeia. A defesa do político pediu que ele continuasse o tratamento médico em casa, porém o pedido foi negado pelo ministro, que considerou imprescindível a prisão para manter a ordem pública.

Roberto Jefferson ficou 35 dias internado para tratar uma infecção urinária e depois fazer um cateterismo. Ele ganhou alta hospitalar na quarta-feira da semana passada (06), porém permaneceu no hospital para saber se poderia continuar o tratamento em casa, como pediram seus advogados, ou na cadeia, onde ele estava quando precisou ser internado no Hospital Samaritano Barra, no Rio de Janeiro.

Foi o próprio preso quem indicou à Justiça o hospital onde gostaria de ser tratado. Desta forma, Moraes autorizou que o político volte ao hospital quando precisar novamente de tratamento médico, porém usando tornozeleira eletrônica. Ele deve ser escoltado pela Polícia Federal e, tão logo receba alta médica, o hospital deverá informar a Justiça que o liberou. Porém o retorno, conforme a decisão de Moraes, deverá ser para o Bangu 8, onde estava preso antes do internamento.

Em agosto, a Procuradoria-Geral da República (PGR) denunciou Jefferson por incitação ao crime, ameaça às instituições e homofobia. Vários deles foram registrados nas próprias redes sociais do presidente do PTB, que aparece portando armas e atacando instituições.