Política

Lula mantém liderança na corrida eleitoral do ano que vem, diz Datafolha

Em uma das simulações testadas pelo instituto, Lula aparece com 44% das intenções de voto –tinha 46% em julho–, contra 26% de Bolsonaro –que aparecia com 25%

Reuters
Reuters
Lula mantém liderança na corrida eleitoral do ano que vem, diz Datafolha
Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva discursa em evento em São Paulo

17 de setembro de 2021 - 09:01 - Atualizado em 17 de setembro de 2021 - 09:22

SÃO PAULO (Reuters) – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) segue na liderança da disputa pela Presidência da República na eleição de outubro do ano que vem, segundo pesquisa do Datafolha divulgada nesta sexta-feira pelo jornal Folha de S.Paulo, que também apontou manutenção do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na segunda posição, com ampla vantagem diante de possíveis nomes da chamada terceira via.

Em uma das simulações testadas pelo instituto, Lula aparece com 44% das intenções de voto –tinha 46% em julho–, contra 26% de Bolsonaro –que aparecia com 25%. Bem mais atrás, aparecem Ciro Gomes (PDT) com 9% –ante 8% na anterior–, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), com 4% –era 5%– e o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM) com 3% –4% antes.

Em um segundo cenário, com a presença do governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), no lugar de Doria, Lula soma 42% –ante 46% em julho–, Bolsonaro mantém os 25% da pesquisa anterior, Ciro aparece com 12% –contra 9%–, Mandetta e Leite aparecem empatados com 4% cada, sendo que o ex-ministro somava 5% na pesquisa anterior e o governador gaúcho 3%.

A terceira simulação feita, com Doria no lugar de Leite e sem Mandetta, mostra Lula com 44%, Bolsonaro com 26%, Ciro com 11% e o governador paulista com 6%.

Em um quarto cenário, foi mantido o nome de Doria e incluído os do apresentador José Luís Datena (PSL), da senadora Simone Tebet (MDB-MS), do ex-deputado Aldo Rebelo (sem partido), do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), que pode migrar para o PSD para entrar na disputa, e do senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE).

Nesse caso, Lula tem 42%, Bolsonaro 24%, Ciro soma 10%, Doria aparece com 5%, Datena tem 4%, Tebet fica com 2%, Aldo e Pacheco aparecem com 1% cada e Vieira não pontua.

Na pesquisa espontânea, quando não é apresentada uma lista de candidatos ao entrevistado, o percentual dos que não sabem em que irá votar aparece na frente de todos os nomes mencionados, com 38%. Neste caso, Lula tem 27%, Bolsonaro 20%, Ciro 2% e a soma de outros nomes citados chega a 3%.

Em um eventual segundo turno entre Lula e Bolsonaro, o petista aparece com 56% –contra 58% em julho– e o atual presidente chega a 31%, mesmo patamar da pesquisa anterior.

O levantamento apontou ainda que Bolsonaro é o líder em rejeição com 59%, seguido por Lula com 38%, Doria com 37%, Ciro com 30%, Datena com 19%, Mandetta e Leite com 18% cada, Pacheco com 17%, Aldo com 15% e Vieira e Tebet com 14% cada.

O Datafolha ouviu 3.667 pessoas presencialmente entre os dias 13 e 15 de setembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Por Eduardo Simões