Notícias

MP denuncia 6 policiais por morte de dois trabalhadores do MST

Segundo o MP-PR, os policiais efetuaram 153 disparos contra a caminhonete onde estavam as vítimas

Caroline
Caroline Berticelli / Editora
MP denuncia 6 policiais por morte de dois trabalhadores do MST
A situação foi ocorreu em abril de 2016. (Foto: Pixabay/Ilustrativa)

30 de setembro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 30 de setembro de 2019 - 00:00

Seis policiais militares foram denunciados pela morte de dois trabalhadores rurais e integrantes do Movimento Sem Terra (MST) durante uma ação policial no acampamento Dom Tomás Balduíno, em Quedas do Iguaçu, no oeste do Paraná, em 7 de abril de 2016.

Investigação sobre a morte dos trabalhadores do MST

De acordo com a denúncia do Ministério Público do Paraná (MP-PR), os policiais foram até o acampamento do MST para apurar a possível ocorrência de uma queimada e para entrar na área, teriam utilizado um trator para desobstruir uma passagem que leva ao acampamento. 

Após tomarem conhecimento da movimentação policial, diversos trabalhadores rurais do acampamento se dirigiram ao local, em três motocicletas, um ônibus e uma caminhonete. Quando a caminhonete se aproximou, os policiais efetuaram 153 disparos contra ela, matando dois de seus oito ocupantes e ferindo outros dois.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.