Mundo dos Pets

Exercícios para cães: como montar o treino ideal para cada raça?

Pauline
Pauline Machado / Canal de Estimação @paulinemachadooficial
Exercícios para cães: como montar o treino ideal para cada raça?

13 de julho de 2021 - 15:30 - Atualizado em 14 de julho de 2021 - 15:33

Montar um treino de exercícios para cães em casa pode parecer mais complicado do que de fato é. Mas para isso, é necessário conhecer quais as principais necessidades do seu cão. 

O treinamento de cães é uma ótima forma de garantir que ele irá se comportar bem, seja em casa, com os tutores ou com desconhecidos. Além de trazer muitos benefícios para a convivência do pet. 

Treinar o cachorro pode ensinar o pet a entender comandos básicos, como fazer as necessidades no local correto e até socializar com desconhecidos. 

Embora não seja uma tarefa complicada, treinar o pet exige paciência e persistência, afinal, eles não aprendem de uma hora para outra. 

Quais raças precisam de mais treinamento?

Quando falamos sobre exercícios para cães, é importante compreender que cada cachorro possui uma personalidade própria. Além disso, as raças podem ter disposições genéticas diferentes, por isso, alguns são considerados mais arteiros ou agressivos do que outros

E esses fatores devem ser levados em consideração  na hora de montar um treino para cachorro. 

Algumas raças maiores necessitam de treinamento para socialização e agressividade, este é o caso do Pit Bull, Pastor Alemão, Rottweiler, Bull Terrier ou Doberman. 

Já os cães pequenos, tendem a serem mais teimosos ou latirem em excesso, necessitando de um treinamento para o comportamento, como é o caso do Poodle, Shih-Tzu, Lulu da Pomerânia, YorkShire e Pinscher. 

Golden Retriever, Labrador, Jack Russell Terrier, Beagle, Cocker Spaniel x Dachshund, são famosos por serem arteiros, nestes casos, é necessário que eles recebam um treinamento educativo

Como montar um treinamento de exercícios para cães em casa?

Como já sabemos, cada cachorro possui uma personalidade própria. Sendo assim, é necessário conhecer o cachorro para saber qual a verdadeira necessidade de um treinamento para ele. 

Quando já conhecemos as tendências comportamentais de cada raça, fica mais fácil identificar quais as chances do cachorro apresentar determinados comportamentos genéticos, ou seja, que vem da própria raça do animal. 

No entanto, a melhor forma de começar a montar um treino para cachorro, é com ele ainda filhote. Veja algumas dicas de treino para cachorro:

Comece desde cedo:

Comece a ensinar o cachorro desde filhote, assim eles se acostumam desde cedo com as práticas corretas e o treinamento vai ser bem mais fácil. 

Além disso, os filhotes costumam ser mais fáceis de ensinar do que os cães adultos, isso porque eles já possuem hábitos, que acabam sendo mais complicados de serem anulados. 

Incentive o pet com petiscos:

Os cães amam petiscos, por isso, uma das formas de ajudá-lo a se sentir incentivado durante o treino é oferecendo um petisco sempre que ele fizer algo correto. Assim, o animal vai aprender a identificar quais atitudes fazem ele ganhar a recompensa e vai tentar repetir os comandos

Não brigue com ele!

Cometer uma arte ou fazer algo errado é normal. No entanto, não brigue com ele por isso, ensine o animal que aquilo foi errado e mostre a forma correta de realizar determinada ação.

Para isso, você precisa ser firme. O ideal, é usar um comando para repreender o peludo e mostrar que tal atitude foi ruim.

Seja paciente:

Os cachorros aprendem de maneira gradual, portanto, tenha paciência na hora de ensinar um truque ou comando. Pode até ser que ele erre nas primeiras vezes, mas não desista. 

No entanto, saiba respeitar o tempo do pet. Se ele não conseguir realizar a tarefa, não force, afinal, um cachorro cansado terá dificuldades no aprendizado. 

Demonstre carinho:

Não seja um ditador com seu cão, caso ele não esteja fazendo o que você deseja, respeite o tempo dele e o deixe descansar. Aproveite este tempo para oferecer carinho e afago, quem sabe ele não se anima?

Socialize com ele:

Todos os cães precisam de socialização, no entanto, uns necessitam mais do que outros. Portanto, sempre que puder, leve seu cão para passear e conviver com outras pessoas e animais. 

Fonte: Cobasi

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.