Mundo dos Pets

Cuidados ao cortar as unhas dos animais

Pauline
Pauline Machado / Canal de Estimação Jornalista e diretora do @canaldeestimacao
Cuidados ao cortar as unhas dos animais

6 de novembro de 2020 - 12:05 - Atualizado em 11 de novembro de 2020 - 10:32

Por não terem habilidade de cortar as unhas, cães e gatos desenvolvem um desgaste natural com o próprio caminhar. No entanto, os animais que moram em apartamentos ou que ficam mais tempo em pisos lisos, tendem a ter um desgaste menor, precisando, muitas vezes, cortar as unhas.

Mas, você já deve saber que cortar as unhas dos nossos bichinhos não é algo tão simples quanto parece!

Além deles ficarem bastante incomodados, há de se ter muito cuidado, pois, dentro das unhas deles existe um tecido vivo composto de sangue e nervos, que não devem ser atingidos durante o corte, pois, causa dor e muito sangramento. Portanto, o ideal é que alguém habilitado faça isso, de preferência o médico veterinário e não curiosos ou leigos.

Já os gatos têm a habilidade para aparar as unhas, mantendo-as sempre afiadas, o que é importante para a sua defesa e seus costumes.

Porém, quando você verificar que seu gato está ficando preso ao tapete ou que está mordendo as suas patas é sinal que suas unhas estão muito compridas e podem quebrar e machucar ele próprio.

O segredo é! Mantenha-se sempre próximo ao seu amigão e observe sempre se está tudo bem com eles!

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.