Bichos

Cães podem comer acerola?

Pauline
Pauline Machado / Canal de Estimação Jornalista e diretora do @canaldeestimacao
Cães podem comer acerola?

14 de outubro de 2021 - 00:54 - Atualizado em 17 de novembro de 2021 - 11:14

Existe uma pergunta que acompanha os tutores por toda a vida, ou pelo menos até que já tenham pesquisado e estudado bastante: será que o cachorro pode comer isso? O “isso”, claro, sempre muda, e é importante conhecer caso a caso. Nesse texto vamos descobrir se cachorro pode comer acerola.

Embora consigam digerir algumas frutas, nem todas fazem bem aos peludos. Além do mais, não necessariamente aquilo que é bom para nós é bom para os pets. Por isso, quanto mais entendermos sobre a nutrição dos pets e sobre o como o alimento afeta o organismo, melhor. 

Acerolas por perto

Um tutor responsável sabe que não se deve oferecer nada ao pet sem antes saber se aquilo é seguro e saudável. E ter dúvidas em relação à alimentação dos pets é um ótimo motivador para os tutores pesquisarem e acertarem o melhor cardápio para seus amigos.

Assim, para saber se acerola faz mal para o cachorro o primeiro passo é entender o alimento. Estamos falando de uma fruta levemente ácida, rica em vitaminas, antioxidantes e muito fácil de encontrar, embora isso não acontecesse até recentemente. Essa fruta caribenha, apesar de bastante popular no Brasil, só chegou por aqui em 1955.

Foi nesse ano que as primeiras sementes foram importadas de Porto Rico. Desde então, a acerola conquistou os jardins e pomares do país e hoje é comum encontrar pés de acerola nas calçadas e quintais

Por isso, pode ser que durante o passeio com seu pet vocês encontrem uma árvore carregada de acerola e o seu amigo faça cara de pidão querendo provar. E agora, o que fazer?

O segundo passo, entender os cães

Os cães pertencem à grande ordem dos carnívoros, onde também estão agrupados os ursos, lobos, leões, doninhas e focas. Ainda assim, muitos animais dessa ordem são na verdade herbívoros, como o urso panda, por exemplo.

Tal classificação, porém, nos ajuda a entender que os cães vieram de um grupo genético que se desenvolveu comendo carne. É por isso que eles têm caninos tão bem desenvolvidos, um instinto de caça aguçado e um trato digestivo mais curto. Mesmo assim, quando o assunto é hábito alimentar, os cães têm um organismo e um paladar bem adaptados a alimentos de origem vegetal.

Embora tenham o organismo capaz de digerir alimentos variados, nem todos são seguros. E esse é o caso de algumas frutas e vegetais como o abacate, uva-passa, cebola ou alho. Aparantemente inofensivos, mas verdadeiros venenos para os cachorros. 

Afinal, cachorro pode comer acerola?

A boa notícia aqui é que, sim, você pode dar uma acerola madurinha para o seu amigo provar! Acerolas não são venenosas para os cachorros. Mas lembre-se: nada de exagerar. A acidez da fruta pode agredir o intestino do animal. Pense nela como um petisco para dias especiais. Que tal um sorbet de acerola para os dias de calor ou um punhado de acerolas como recompensa depois de um passeio?

Uma alimentação ideal e equilibrada para os cachorros é facilmente conquistada com rações de alto valor nutricional como as premium e super premium. E se você quiser variar o cardápio do seu amigo, lembre-se de pedir as orientações de um veterinário. Ele vai indicar a melhor dieta para o animal.

Fonte: Cobasi.