Mundo dos Pets

Aprenda a brincar com os gatos

Pauline
Pauline Machado / Canal de Estimação @paulinemachadooficial
Aprenda a brincar com os gatos

18 de agosto de 2021 - 00:15 - Atualizado em 20 de agosto de 2021 - 15:57

Todo tutor adora passar bons momentos com o pet. Entretanto, os bichanos podem ser um pouco temperamentais. Por isso, muitos se perguntam como brincar com gatos. Afinal, apesar de serem fofos e carinhosos, os bigodudos possuem uma personalidade um tanto diferente.

Se você está se perguntando como brincar com seu gato, não se preocupe. Consultamos uma especialista que deu dicas sobre como se divertir com o bichano de forma saudável e divertida. Continue lendo para saber mais.

A importância do brincar

Mesmo entre os gateiros, muitas vezes, os bichanos levam a fama de preguiçosos. Porém, apesar de ser verdade que os bigodudos são fãs de uma boa soneca, é necessário ressaltar a importância das brincadeiras. 

A Dra. Juliana Damasceno, bióloga especialista em comportamento felino, afirma que essa prática é essencial para a saúde e o bem-estar dos bichanos. “Precisamos lembrar que, na natureza, os gatos são caçadores. Então, devemos estimular esse instinto de caça”, comenta. 

Ao realizar essas práticas, o peludo ganha inúmeros benefícios físicos e emocionais, ficando mais saudável, calmo e contente. “Se a gente não estimula nossos gatos a brincar, eles podem ter problemas físicos e clínicos”, comenta a Dra. Juliana. 

Entendendo a personalidade dos gatos

O primeiro passo para aprender como fazer brincadeiras para gatos é entender a personalidade dos felinos. A Dra. Juliana explica que os bichanos possuem muitas características selvagens, herdadas dos antepassados. 

“Eu costumo brincar que eles são pequenas ferinhas em um apartamento”, afirma. Essas características irão definir a forma como brincar com gatos. Para que o bichano se interesse pela atividade, ela precisa conversar com os instintos dele.

Como brincar com gatos 

Apesar de os peludos serem muito travessos, é necessário saber como brincar com gatos para que eles se interessem pela atividade. Conforme explica a Dra. Juliana, a melhor forma de fazer o pet participar da brincadeira é estimulando os instintos de caça. 

“É preciso mimetizar, simular uma presa que desperte a atenção do gato”, comenta. Para atingir esse resultado, basta seguir os seguintes pontos.

Movimento

Como os gatos gostam de brincar de caça, o movimento é essencial. Porém, isso não significa que basta sacudir o brinquedo para atrair a atenção dos bichanos. É preciso simular uma presa, fazendo movimentos condizentes com um pequeno animal. 

Uma ótima dica sobre como brincar com gatos filhotes e adultos é imitar um animalzinho fugindo para um esconderijo. O bichano ficará animado para encontrar o alvo. Seja um pássaro, um ratinho ou uma borboleta, o importante é fazer movimentos leves, cuidadosos e realistas.

Distância

Ao pensar em como brincar com bichanos, outro ponto importante é calcular a distância do objeto. A Dra. Juliana lembra que, normalmente, as presas não pulam na cara do gato esperando levar uma bocada. 

Para simular um animalzinho e atrair a atenção dos bichanos, coloque o brinquedo em um local adequado. Além disso, a especialista explica que os felinos enxergam melhor a uma distância de um ou dois metros, um ótimo ponto para iniciar uma brincadeira!

Paciência

Fazer brincadeiras com gatos pode ser muito divertido, mas é uma atividade que leva certo tempo. Como devemos simular uma pequena presa, é necessário entrar, literalmente, em um jogo de gato e rato. 

Por isso, tenha paciência. O bichano pode demorar longos minutos espreitando, observando os movimentos e preparando a estratégia até, finalmente, atacar o brinquedo. 

Porém, é importante respeitar o tempo do peludo e não tentar acelerar o processo. Esses movimentos fazem parte dos instintos dos gatos, sendo ótimos estímulos para a saúde física e mental deles!

As três brincadeiras prediletas

Para você entender melhor como brincar com os peludos, separamos três brincadeiras prediletas deles. Essas atividades simulam facilmente uma presa e são excelentes para a maioria dos bichanos. 

Entretanto, é importante ressaltar que cada pet possui personalidade própria. Então, o ideal é colocar todas as brincadeiras para gatos em prática e descobrir a favorita do seu amigo de quatro patas!

Bolinha 

Quem tem um bichano em casa já pode ter visto o gato brincando com uma bolinha. Muitas vezes, até um papel amassado vira um ótimo brinquedo para gatos. No entanto, a Dra. Juliana explica que a bolinha não é suficiente. 

É preciso simular que aquele objeto é uma caça. A melhor forma de fazer isso é esconder a bolinha em um local, imitando um ratinho na toca. Isso despertará a atenção do bichano, que irá correr para caçar a presa. 

Varinhas

A varinha para gatos também é um acessório fundamental para quem tem um bichano em casa. Além de simular o voo de um pássaro ou uma borboleta, ela pode imitar um animalzinho em fuga, buscando um esconderijo. 

Nesse caso, é importante ter atenção ao movimento e à localização. Para atrair a atenção do bigodudo, coloque o objeto a uma boa distância e faça movimentos que imitem um animalzinho. 

Comedouros interativos

Este brinquedo pode não ser tão conhecido, mas também está entre os favoritos dos bichanos. Assim como outros comedouros, ele possui um espaço interno para petisco ou ração. 

Porém, para comer, o bichano precisa resolver um desafio, realizando um movimento ou outra atividade. Esse tipo de brinquedo para gato é excelente, pois, além de simular o comportamento da caça, oferece uma recompensa no final, funcionando como reforço positivo! 

Os brinquedos acima costumam ser os favoritos entre os bichanos. Entretanto, ainda há outras opções que o gato gosta de brincar. A Dra. Juliana reforça que o mais importante é simular o comportamento de uma presa e permitir que o peludo capture o objeto no final. 

Assim, ele se sente em uma verdadeira caça, sendo recompensado!

Fonte: Petz