Mundo dos Pets

A ciência e o poder terapêutico da interação humano-animal

Pauline
Pauline Machado / Canal de Estimação Jornalista e diretora do @canaldeestimacao
A ciência e o poder terapêutico da interação humano-animal

21 de setembro de 2020 - 00:00

No mês da Campanha Nacional de Prevenção ao Suicídio, a Mars Petcare reafirma os efeitos positivos da interação com os pets para a saúde emocional humana

Neste mês, a campanha “Setembro Amarelo”, sobre combate ao suicídio, traz à luz a importância da preocupação com a saúde mental que, em tempos de pandemia mundial, tem ganhado cada vez mais espaço na vida das pessoas e também gerado preocupações. Não à toa, muitas relatam o papel imprescindível de seus pets em tempos de reclusão social.

Diversos estudos liderados pelo Centro de Nutrição e Bem-Estar Animal WALTHAM™, parte da Mars Petcare, mostram que é inegável o grande valor que a interação com animais de estimação pode ter na vida dos seres humanos – seja no campo emocional ou físico.

Estudos demonstram que a maioria dos homens e mulheres que tiveram algum tipo de contato com animais de estimação têm uma tendência a terem uma resposta melhor às situações adversas do cotidiano, incluindo a solidão, sentimento este que chega em uma crescente nos últimos anos e se intensificou com os desafios impostos pela pandemia da COVID-19.

Essas evidências já são conhecidas por muitas pessoas e ficam evidentes nos resultados de uma pesquisa conduzida pela Edelman Intelligence, em nome da HABRI e da Mars Petcare, em maio de 2019, nos Estados Unidos, que explorou o papel que a interação entre animais de estimação e humanos pode ter no tratamento do isolamento social e da solidão.

Cerca de 26% dos entrevistados afirmaram entender a importância dos animais para a saúde mental. Além disso, por volta de 80% dos respondentes que possuem pets confirmaram que eles se sentem menos solitários por terem a presença de seus animais de estimação. A pesquisa também mostrou que cerca de um em cada quatro (26%) tutores possuem um pet por saberem dos benefícios à sua saúde mental, sendo que os entrevistados com mais de 55 anos fazem este relato com mais frequência (55%).

A convivência com cães e gatos está entre uma das medidas alternativas consideradas mais relevantes, principalmente quando as pessoas convivem com eles como se fossem membros de suas famílias. Pode-se afirmar que a afetividade de uma pessoa com um pet ajuda a superar um desejo trágico: a morte. Diante do distanciamento familiar e da solidão, características reforçadas pelo momento atual, o apego aos pets é uma forma de trazer significado à vida, com o compromisso de cuidar de alguém, sentir-se importante para este animal e receber como retorno sua companhia, afeto e a oportunidade de confidenciar suas angústias sem qualquer tipo de julgamento.

Além dos benefícios para a saúde mental, segundo pesquisas realizadas em WALTHAM™, os esses efeitos dessa relação podem ter reflexos positivos no corpo físico e auxiliam no incentivo de um estilo de vida mais saudável, já que a necessidade de atenção à rotina de atividades físicas e com a alimentação faz parte tanto da vida do pet como do ser humano.

Quando levamos em consideração todos os esforços para minimizar os impactos que podem levar uma pessoa a cogitar medidas extremas, como o suicídio, é interessante pensar como a presença de um pet pode ter um caráter terapêutico, que já foi atestado por uma base científica e traz resultados favoráveis.

Sobre WALTHAM™ – É o centro científico fundamental da Mars Petcare e se concentra na nutrição e no bem-estar de cães, gatos, cavalos e peixes e em seus benefícios para os seres humanos. Desde seu primeiro artigo científico, há mais de 50 anos, a WALTHAM™ compartilhou sua experiência através de 1.700 publicações, incluindo mais de 600 artigos de periódicos revisados por pares. Além disso, os pesquisadores da WALTHAM™ colaboram com alguns dos mais renomados cientistas veterinários e nutricionais do mundo. Em colaboração com os principais institutos de pesquisa do mundo, fornece a ciência e a experiência subjacentes às principais marcas da Mars Petcare.

Fonte: https://www.segs.com.br/