Mundo dos Pets

9 motivos para combater o comércio de animais silvestres

Pauline
Pauline Machado / Canal de Estimação Jornalista e diretora do @canaldeestimacao
9 motivos para combater o comércio de animais silvestres

2 de dezembro de 2020 - 00:00 - Atualizado em 3 de dezembro de 2020 - 14:57

Seja para entretenimento, produção de medicamentos, para serem transformados em alimentos ou vendidos como animais de estimação, milhares de animais selvagens em todo o mundo enfrentam uma vida de sofrimento no comércio multibilionário de animais silvestres.

Acredita-se que a COVID-19 tenha começado em um wet market (mercados que vendem animais silvestres para o consumo humano) e isso tem nos forçado a ver que a segurança do nosso mundo depende de como tratamos os animais.

Acabar com o comércio de silvestres não protegerá apenas os animais, mas também as pessoas e o planeta. 

Veja 9 motivos para você entrar nesta luta:

1. Você pode evitar que animais selvagens sejam extintos

Estima-se que 1 milhão de espécies de animais e plantas estejam em risco iminente de extinção – e o comércio de animais selvagens é uma das principais razões para isso estar acontecendo. Por isso, acabar com o comércio ajudará nos esforços de conservação e a evitar que esses animais desapareçam para sempre.

2. Você irá ajudar a prevenir a propagação de novas doenças

Mais de 60% de todas as doenças infecciosas emergentes são zoonóticas – e acredita-se que 72% delas comecem em animais selvagens. 

Ao acabar com a exploração de silvestres, reduziremos significativamente o risco de termos outra pandemia causada por uma doença zoonótica.

3. Você ajudará a acabar com a exploração de animais para entretenimento

Elefantes, tigres, ursos e outras espécies são exploradas para entretenimento em todo o mundo. Só na Ásia, mais de 3.000 elefantes são mantidos em cativeiro em atrações turísticas. Eles são submetidos a treinamentos cruéis, excesso de trabalho, isolamento e vivem em péssimas condições – o que acarreta uma série de doenças físicas e psicológicas nos animais.

4. Você irá ajudar a proteger e recuperar nosso planeta

Estima-se que 5,6 gigatoneladas de carbono sejam absorvidos pelo meio ambiente a cada ano. Mas, tragicamente, a biodiversidade está diminuindo mais rápido do que qualquer outra taxa na história humana, resultando em ecossistemas severamente esgotados.

Quando a saúde de nossas florestas e oceanos se deteriora, eles são menos capazes de absorver os gases do aquecimento global e nos fornecer alimentos, água potável e ar. Conservar os animais selvagens e seus habitats naturais pode nos ajudar a combater a crise climática e proteger os recursos naturais que todos precisamos.

5. Você ajudará a prevenir outra depressão econômica

Como resultado da pandemia de COVID-19, foi prevista uma retração econômica de quase 5% – potencialmente levando ao aumento do desemprego, da pobreza e da fome para pessoas em todo o mundo. Banir o cruel comércio de animais silvestres reduzirá o risco de outra pandemia e ajudará a proteger nossos meios de subsistência.

6. Você acabará com a criação de animais em cativeiro para fins lucrativos 

Para atender a demanda por animais de estimação exóticos, remédios da medicina tradicional e entretenimento, animais selvagens são reproduzidos em condições horríveis. Isso causa um grande sofrimento físico e mental nos animais que, se não forem abatidos para explorarem partes de seus corpos, viverão em uma prisão perpétua.

Normalmente, essa prática não ajuda na conservação, já que esses animais raramente podem ser soltos em segurança na natureza. Na verdade, a reprodução de animais em cativeiro pode ajudar a sustentar a demanda comercial por animais selvagens – resultado em ainda mais sofrimento.

7. Você ajudará a acabar com a exploração animal pela medicina tradicional

Cerca de 24.000 ursos são mantidos em cativeiro para que sua bile possa ser colhida pela indústria da medicina tradicional da Ásia. Eles são mantidos a vida toda em pequenas jaulas, são alimentados com uma dieta horrível e são submetidos à força a extrações de bile. 

Ao apoiar o fim do comércio de silvestres, você pode ajudar a acabar com o sofrimento de ursos e outros animais que são criados por causa de sua bile, ossos e outras partes do corpo. 

8. Você vai evitar que milhões de animais entrem no comércio de animais de estimação exóticos

Aproximadamente 20 milhões de animais silvestres são mantidos como animais de estimação só nos Estados Unidos, Reino Unido e Canadá. Papagaios-africados, lontras asiáticas, pítons bola e outras espécies muitas vezes suportam longas e perigosas viagens apenas para serem criadas em lugares que nunca poderão atender suas necessidades.

9. Você protegerá comunidades vulneráveis

A COVID-19 mostrou que o comércio de silvestres pode afetar desproporcionalmente comunidades vulneráveis por causa do seu impacto negativo sobre os meios de subsistência e bem-estar.

O comércio legal de animais de estimação exóticos, entretenimento e medicina tradicional também pode atuar como uma cobertura para a atividade ilegal. Por isso que a aplicação estrita de uma proibição do comércio de animais selvagens ajudaria a combater a atividade criminosa e a melhorar a saúde das pessoas. Isso também significa que as indústrias éticas terão chances de se desenvolverem – beneficiando tanto as pessoas quanto os animais.

Esses são só nove motivos para combater o comércio de animais silvestres – mas tem muitos, muitos outros.

Juntos, podemos proteger as pessoas, os animais e nosso planeta.

Fonte: Proteção Animal Mundial

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.