Economia

Petrobras confirma acordo de transição com YPFB

Redação RIC Mais
Redação RIC Mais

30 de dezembro de 2019 - 00:00 - Atualizado em 30 de dezembro de 2019 - 00:00

A Petrobras confirmou nesta segunda-feira, 30, notícia antecipada pelo Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, sobre acordo de transição com a Yacimientos Petrolíferos Fiscales Bolivianos (YPFB). Em nota ao mercado, a estatal informa que o período vai de 1º de janeiro a 10 de março do ano que vem, em que as empresas “darão continuidade ao processo de negociação com o objetivo de alterar determinadas condições comerciais, alinhadas ao processo de abertura do mercado brasileiro de gás natural e ao novo contexto do mercado boliviano”, segundo o comunicado.

“Depois de 20 anos vai sair de cena uma relação entre duas estatais, marcada pela política. A partir de agora as negociações serão entre empresas, sem influência dos Estados”, afirmou o diretor-geral da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Décio Oddone, no sábado, dia 28.

A ANP é responsável, junto com a Petrobras e a Transportadora Gasoduto Bolívia-Brasil (TBG), pela licitação do espaço que ficará vago no Gasoduto Bolívia-Brasil (Gasbol) com a redução do contrato da Petrobras. Na licitação será ofertado o volume de 18,08 milhões de metros cúbicos diários, de uma capacidade total de 30 milhões de metros cúbicos do Gasbol, disse a estatal boliviana em um comunicado divulgado por Oddone em redes sociais.

Informamos aos nossos visitantes que nosso site utiliza cookies. Ao usar nosso site, você concorda com nossos Termos de Uso. A maioria dos navegadores aceita cookies automaticamente. Para ver quais cookies utilizamos, acesse nossa Política de Privacidade.